Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Ex-integrante do Cansei de Ser Sexy pode processar Taylor Swift por plágio

Adriano Cintra, compositor de "Music Is My Hot Hot Sex" ao lado de Lovefoxxx, estuda processar Taylor Swift pela faixa "Karma"

Dimitrius Vlahos Publicado em 22/06/2023, às 09h14

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Taylor Swift (Foto: Getty Images)
Taylor Swift (Foto: Getty Images)

Ex-integrante do Cansei de Ser Sexy considera processar Taylor Swift por plágio. Adriano Cintra é autor de "Music Is My Hot Hot Sex," lançada em 2005, ao lado de Lovefoxxx. Conforme noticiado pela Folha de S.Paulo, o brasileiro recebeu diversas mensagens apontando as semelhanças entre a sua composição e a faixa "Karma," do disco Midnights (2022), da cantora norte-americana.

Embora não tenha dado atenção ao caso por preguiça, o músico voltou a receber relatos sobre a similaridade entre as duas canções e decidiu investigar. "É muito parecido. É inegável que é. É a mesma frase praticamente, tem a mesma rítmica, as notas são muito parecidas, a melodia também. Ela apenas canta como se estivesse 'abrindo a voz', mas é a mesma melodia. Eu achei muito esquisito," afirmou.

+++ LEIA MAIS: Karen Jonz comenta carreira musical: "Sempre tive a música junto do skate"

Antes de entrar com o processo, Cintra consultou o advogado Caio Mariano, especialista em propriedade intelectual. Dois maestros farão um laudo pericial, que deve pesar na decisão de iniciar uma ação jurídica ou não.

O músico não contatou Lovefoxxx e outros integrantes da banda: "Acho que não há necessidade de entrar em contato. Depois, se ela quiser, ela pode procurar também. Eu não preciso do aval dela nem de nada."

Além da similaridade em parte da melodia, o processo pode alegar a visibilidade que "Music Is My Hot Hot Sex" alcançou nos Estados Unidos. A música estava na parada da Billboard e foi trilha sonora de um comercial da Apple.

Ouça: