João Gomes reflete sobre carreira e conselho de Wesley Safadão: ‘Sempre é preciso fazer um pouco mais’ [ENTREVISTA]

Em entrevista à Rolling Stone Brasil, o jovem cantor João Gomes refletiu sobre a carreira e o constante aprendizado

Redação Publicado em 09/11/2021, às 14h59

None
João Gomes (Foto: Reprodução/Instagram)

Aos 19 anos, João Gomes é considerado uma das revelações de 2021. O cantor e compositor dos gêneros forró, vaquejada e piseiro explodiu nas redes sociais com o disco de estreia Eu Tenho a Senha — mas não imaginava a fama repentina e avassaladora.

Em entrevista à Rolling Stone Brasil, João Gomes refletiu sobre a carreira e falou, inclusive, sobre um conselho que recebeu de Wesley Safadão. Segundo o cantor de 19 anos, o artista explicou que, apesar de estar em “primeiro lugar” na atualidade, “sempre é preciso fazer um pouco mais.”

+++LEIA MAIS: Roberta Campos celebra sucesso do single 'Miragem', parceria com Natiruts, e novo disco: 'Superpositivo' [ENTREVISTA]

Com sucessos como “Meu Pedaço de Pecado” e “Aquelas Coisas”, explicou que, desde que recebeu o conselho, segue o ensinamento: “Às vezes, estou deitado e a galera está no pé do hotel gritando e gritando. Eu sei que tenho show mais tarde, mas desço. Acredito que é aquelo ‘um pouco mais’ que o Safadão falou. Para eu merecer o que Deus está me dando.”

Diante do grande sucesso e reconhecimento nacional, João Gomes reconheceu também que tem muito trabalho, mas admitiu que “não é de reclamar das coisas”. Durante a entrevista, o jovem cantor também explicou como começou a carreira artística:

+++LEIA MAIS: O Grilo quer fazer música sem se prender a rótulos: 'Somos bem liberais nesse sentido' [ENTREVISTA]

Comecei a estudar agropecuários porque queria ficar mais perto do campo, comecei a cantar na escola porque nao tinha para onde escapar (...) Me chamaram pra cantar e viram na brincadeira que deu certo, depois chamara para um São João e falaram ‘tenta investir nisso aí’. Eu nem sabia onde investir.

Segundo ele, é um processo de constante aprendizagem — desde o entendimento das redes sociais até as técnicas vocais: “Comecei com uns videozinhos. Não tinha nem celular, eu nem me preocupava com isso. Mas aí fui buscar um celular melhor com o que eu tinha. Fui buscando aprender algo sobre instrumento, porque não toco nenhum instrumento.”

Em busca de entender mais sobre o funcionamento da indústria musical e do próprio talento e habilidade vocal, João Gomes reconheceu: “Realmente estou aprendendo.” Confira a entrevista completa do jovem cantor à Rolling Stone Brasil

+++LEIA MAIS: Ney Matogrosso está mais livre do que nunca em Nu Com A Minha Música: 'Estou chutando o balde' [ENTREVISTA]