Lady Gaga: Como Pabllo Vittar chegou ao Dawn of Chromatica?

Com o estrelato mundial crescente, Pabllo Vittar chegou ao disco de remixes de Gaga; a parceria aconteceu na faixa "Fun Tonight"

Redação Publicado em 03/09/2021, às 10h44 - Atualizado em 04/09/2021, às 12h15

None
Lady Gaga publicou arte com Pabllo Vittar (Foto: Jeff Corsi/Reprodução/Instagram)

Uma colaboração icônica e aguardada chegou ao universo pop nesta sexta, 3 de setembro: Lady Gaga e a cantora brasileira Pabllo Vittar cantam juntas em "Fun Tonight." A faixa integra o disco de remixes da artista estadunidense, Dawn of Chromatica (álbum de remixes de Chromatica, lançado em maio de 2020 e indicado a Best Pop Vocal Album no Grammy 2021).

Após a parceria, uma dúvida surgiu nas redes sociais: como Pabllo Vittar chegou ao disco de Gaga? Pensando nisso, o O Globo relembrou o início dessa história. Em abril deste ano, o produtor do Chromatica, Bloodpop, questionou os seguidores sobre quais artistas seriam interessantes em um disco de remixes da estrela pop estadunidense. 

+++ LEIA MAIS: Ousada, orgulhosa e independente: Pabllo Vittar quer mostrar seu Brasil para o mundo [ENTREVISTA]

"Suponhamos… quais artistas vocês gostariam de ver em uma versão remix de Chromatica (e quais músicas)?," escreveu Bloodpop. Dentre as respostas, estava o nome de Pabllo Vittar em vários tuítes. O produtor curtiu alguns desses comentários e, posteriormente, seguiu a brasileira nas redes sociais. Relembre o tuíte:

Nesta quinta, 2, inclusive, BloodPop elogiou Vittar. O tuíte foi uma resposta a um perfil que falou sobre a importância de uma artista LGBTQ+ brasileira ser convidada para um disco grandioso como Dawn of Chromatica. Em sequência, o produtor escreveu: "Pabllo Vittar é uma estrela." Veja: 

+++LEIA MAIS: Com Batidão Tropical, Pabllo Vittar tem maior estreia de disco pop solo no Brasil

Carreira de Pabllo Vittar: de "Open Bar" ao estrelato mundial

É fato: Pabllo Vittar construiu uma grande carreira até chegar à parceria com Lady Gaga. Atualmente com 11,2 milhões de seguidores no Instagram, a cantora começou a caminhar rumo ao estrelato em 2015 com o hit "Open Bar," um enorme sucesso na internet, como lembra o O Globo

Com mais de 74 milhões de visualizações no YouTube, "Open Bar" é uma versão brasileira do hit "Lean On," de Major Lazer. A partir do reconhecimento com a canção, Pabllo Vittar foi convidada pela Globo para formar a banda do programa Amor & Sexo, comandado por Fernanda Lima.

+++LEIA MAIS: Furacão 2021: funks 'proibidões' de 2000 ganham versões indies - e você vai amar ouvir 'Tremendo Vacilão' assim

Após o retorno positivo com o programa, Vittar abriu a discografia com Vai Passar Mal em 2017, álbum com nove músicas, incluindo "K.O.", "Corpo sensual" e "Indestrutível." O disco conta uma parceria com o DJ Diplo em "Então Vai (Get By)". Nesse momento, a cantora começou a ganhar um reconhecimento grandioso e, inclusive, internacional.

Seguindo na crescente mundial, "Sua Cara" colaboração de Anitta e Pabllo Vittar com o grupo de música eletrônica Major Lazer (Diplo, Walshy Fire e Ape Drums) foi lançada no segundo semestre de 2017. Hit desde o início, a faixa bateu o recorde de visualizações no YouTube em 24 horas.

+++ LEIA MAIS: Jup do Bairro: Transgressão e Pretitude de um Corpo Sem Juízo

Com os holofotes nela, Pabllo Vittar foi convidada por Fergie em 2017 para cantar o hit "Sua Cara" no Palco Mundo do Rock in Rio. Desde então, foi cada vez mais se consolidando como um dos principais nomes da música pop brasileira, com novas parcerias internacionais, além de lançar outros três álbuns para somar à discografia; Não Para Não (2018); 111e 111 Deluxe(2020); e Batidão Tropical (2021). 


+++ CONFIRA TUDO SOBRE A BANDA 5 SECONDS OF SUMMER!