Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Morre Syl Johnson, uma das maiores vozes do soul, aos 85 anos

Syl Johnson, cuja música foi sampleada por Jay-Z e Kanye West, teve morte anunciada neste domingo, 6 de fevereiro

Redação Publicado em 07/02/2022, às 15h48

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Syl Johnson (Foto: Reprodução / Twitter)
Syl Johnson (Foto: Reprodução / Twitter)

Syl Johnson, uma das maiores vozes do soul e R&B norte-americano, morreu aos 85 anos, como foi anunciado pela família do cantor neste domingo, 6 de fevereiro — a causa da morte não foi divulgada, de acordo com informações do Splash UOL. O artista foi responsável pela faixa “Different Strokes,” de 1967, que se tornou uma das canções mais usadas em samples na história do hip-hop, segundo a Rolling Stone EUA.

“É com extrema tristeza que nossa família anuncia o falecimento da lenda do Hall da Fama do Soul & BluesSyl Johnson, nascido Sylvester Thompson em Holly Springs, no estado do Missisípi [EUA]. Pai, irmão, avô, bisavô, tio, amigo e artista, ele viveu sua vida como cantor, músico e empresário que amava música negra," diz o comunicado divulgado pela família à imprensa norte-americana.

+++LEIA MAIS: Syl Johnson entra com processo contra Jay-Z e Kanye West

Um lutador corajoso e feroz, sempre defendendo a busca pela justiça no que diz respeito à sua música e som, ele fará muita falta a todos que cruzaram seu caminho. Seu catálogo e legado serão lembrados como impecáveis ​​e um projeto histórico para todos que o vivenciarem.

A morte do cantor veio dias após o falecimento do irmão, indicado ao Hall da Fama do Blues, Jimmy Johnson, que morreu aos 93 anos, de acordo com a CBS Chicago.Syl começou a carreira na década de 1960 e teve maior sucesso como vocalista com o cover de "Take Me to theRiver," lançado em 1975.

O reconhecimento e legado como uma das maiores vozes do soul, no entanto, veio em 1967, com “Different Strokes.” A música foi sampleada por diversos artistas ao longo dos anos, inclusive por Kanye West e Jay-Z no disco Watch the Throne (2011). Os rappers foram processados por suposto uso não-autorizado dos trechos e ausência de créditos ao artista original. Ao final da ação, Syl recuperou os direitos e voltou a lucrar com a canção.

+++LEIA MAIS: Jay-Z e Kanye West poderão sofrer processo por faixa de Watch the Throne