Nick Cave relembra encontro inesperado com Charlie Watts: 'Ele literalmente brilhava'

A memória do encontro de Nick Cave e Charlie Watts foi compartilhada no site do cantor australiano

JULIA HARUMI MORITA Publicado em 01/09/2021, às 10h29 - Atualizado às 10h39

None
Nick Cave (Foto: Agencia El Universal/Nadya Murillo/AFBV/AP) e Charlie Watts (Foto: Kevin Winter/Getty Images)

Nick Cave relembrou um encontro inesperado dele com Charlie Watts, baterista dos Rolling Stones morto aos 80 anos no dia 24 de agosto. A memória do cantor australiano foi compartilhada no site The Red Hand Files. (Via NME)

Há 10 anos, Cave saiu da academia vestindo um agasalho "minúsculo," o qual comprou pela internet, e um par "gigante" de tênis. O músico nunca tinha treinado ou "entrado em uma academia," mas tentava se preparar para uma turnê.

+++LEIA MAIS: Charlie Watts, o baterista inimitável dos Rolling Stones, morto aos 80

Em seguida, o artista lembrou que prometeu buscar Susie [Bick] no aeroporto Heathrow e, como estava atrasado, decidiu ir até o local com o visual "ridículo" sem ser notado. Porém, no meio do caminho, encontrou Watts.

"Quando cheguei ao aeroporto, precisava mijar, então parei no banheiro e, enquanto saía com meu minúsculo macacão, tênis branco gigante e boné, ali, caminhando em minha direção, estava Charlie Watts do Rolling Stones," escreveu Cave.

+++ LEIA MAIS: Rolling Stones se pronunciam sobre morte de Charlie Watts

O músico continuou: "Ele literalmente brilhava com um tipo de serenidade interior e, quando passamos um pelo outro, nos olhamos por um momento e ele sorriu para mim - não um sorriso indelicado, mas também não um sorriso amável. O olhar impassível que um animal pode dar a outro na natureza."

Para Cave, o momento gerou um pensamento que foi repetido na cabeça dele após ouvir a notícia da morte de Watts. "Lá se vai um verdadeiro grande baterista."

+++ LEIA MAIS: Rolling Stones: A importância do blues na obra da banda [ARQUIVO RS]

Charlie Watts

Charlie Watts foi baterista dos Rolling Stones desde 1963, quando Mick Jagger, Keith Richards e Brian Jones o convidaram para entrar no grupo após vê-lo tocando blues na banda Blues Incorporated. Apesar de não participar de algumas turnês, Watts permaneceu no posto até a morte.


+++ CONFIRA TUDO SOBRE A BANDA 5 SECONDS OF SUMMER!