Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Nicki Minaj detona Grammy por indicação no pop: 'Só fiz rap'

Após enviar faixa para categorias de rap, organização do Grammy preferiu classificar música de Nicki Minaj como pop

Dimitrius Vlahos Publicado em 14/10/2022, às 10h28

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Nicki Minak (Foto: Frazer Harrison / Getty Images)
Nicki Minak (Foto: Frazer Harrison / Getty Images)

Nicki Minaj não está contente com a organização do Grammy. Cantora enviou a faixa "Super Freaky Girl" para consideração da premiação nas categorias de rap. No entanto, organização alterou categoria, e o single pode concorrer como pop.

Conforme reportado pelo The Hollywood Reporter (via NME), a alteração partiu inteiramente da Academia. Nicki, em live no Instagram, rebateu o ocorrido: "'Super Freaky Girl,' em que só fiz rap, foi removida das categorias de rap e colocada no pop."

+++ LEIA MAIS: Beyoncé fica de fora das categorias visuais do Grammy 2023

"'Hotline Bling,' do Drake, ganhou Melhor Música de Rap e Performance," continuou, relembrando outra indicação controversa. Em 2016, Drake afirmou discordar da classificação da faixa: "Sou um artista negro, aparentemente isso me torna um rapper, mesmo que 'Hotline Bling' não seja rap."

"Agora vamos dizer que 'Super Freaky Girl' é uma canção pop. Então 'Big Energy,' de Latto, é o quê? Se mudar a minha faixa do rap para o pop, precisa fazer o mesmo com 'Big Energy.' A propósito, o produtor das duas músicas é o mesmo. Até quando estou fazendo rap em uma faixa pop, fico de fora do rap," completou, expondo contradições do Grammy.

+++ LEIA MAIS: Silk Sonic se retira do Grammy após ganhar 4 prêmios

A cerimônia do Grammy terá algumas ausências notáveis. Silk Sonic, duo de Anderson .Paak e Bruno Mars, optou por não concorrer com seu disco de estreia. Drake e The Weeknd também não enviaram discos para consideração da Academia.