O dia em que os Red Hot Chili Peppers fizeram um cover desastroso de Jimi Hendrix no Woodstock 99 [FLASHBACK]

Os Red Hot Chili Peppers queriam homenagear Jimi Hendrix, mas, ao invés disso, criaram um caos durante o Woodstock 99

Vitória Campos (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 26/07/2021, às 18h25

None
Red Hot Chili Peppers (Foto: Handout Photo by MTV/Getty Images)

Um dos festivais mais icônicos da história do rock, o Woodstock 99 entrou para a história por ser uma edição na qual irritou os participantes: ocorreu em uma época de calor extremo, a organização não teve preocupação com número de banheiros suficientes, alimentos e bebidas eram caros e contava com uma segurança mínima. 

Nesse festival lendário de 1999, o qual contou com mais de 400.000 pessoas, os Red Hot Chili Peppers realizaram um cover desastroso de “Fire” de Jimi Hendrix. Tudo isso enquanto o caos se alastrava, juntamente de um incêndio causado pelos fãs. 

+++ LEIA MAIS: Há 20 anos, O Surto fazia versão excêntrica de Californication, do Red Hot Chili Peppers [FLASHBACK]

Quando a banda subiu ao palco, os participantes do evento estavam irritados com a falta de organização. “Depois de três dias sem água ou água engarrafada por US$ 17, e sem lugares para fazer xixi e qualquer coisa, [os frequentadores do show] estavam todos reprimidos,” explicou Chad Smith ao Yahoo!

Além disso, uma organização, a PAX, planejou uma declaração anti-armas durante o show dos Red Hot Chili Peppers, e, para isso, distribuiu 100.000 velas aos fãs. Isso, somado ao caos e irritação do público, causou um desastre. 

+++ LEIA MAIS: Chad Smith, do Red Hot Chili Peppers, conta como está sendo trabalhar com John Frusciante novamente

Assim, os fãs começaram um incêndio com as velas, e jogaram todos os itens que pudessem encontrar para aumentar o fogo. Do palco, Anthony Kiedis comparou a cena ao filme Apocalypse Now (1979), de acordo com o UCR

“Fui até Anthony Kiedis e disse-lhe: ‘Você precisa nos ajudar. Precisamos acalmar essa multidão para chegar lá e acabar com esses incêndios,” disse Joseph Griffo, prefeito de Rome, cidade do estado de Nova York na qual aconteceu o Woodstock 99. “E o que ele fez foi sair e tocar ‘Fire’ de Jimi Hendrix.”

+++ LEIA MAIS: Sinead O'Connor nega affair com Anthony Kiedis, do Red Hot Chili Peppers, e revela caso com Peter Gabriel; entenda

Na manhã seguinte, os integrantes da banda perceberam como a música pode ter aumentado o caos, e pensaram como a escolha da canção pode não ter sido a melhor, pois cantaram sobre fogo enquanto um incêndio acontecia. No entanto, explicaram como apenas queriam homenagear Hendrix

“Parecia mesmo que estávamos instigando - que éramos os bandidos. Poderíamos ter escolhido outra música do Hendrix? Provavelmente. Mas essa era qual ensaiamos e conhecíamos. Então, sim, acho que o momento não foi tão bom,” declarou Smith

+++ LEIA MAIS: Red Hot Chili Peppers está vendendo catálogo de composições por R$ 760 milhões


+++ RS TRENDING | CONHEÇA OLIVIA RODRIGO: VIDA, RECORDES, SOUR E MAIS!