Ozzy Osbourne revela bastidores de turnê com Metallica: 'Não sabia que eram grandes fãs'

Turnê de Ozzy com Metallica aconteceu antes da banda fazer sucesso mundial com Black Album

Redação Publicado em 17/05/2022, às 09h53

None
Ozzy Osbourne (foto: Getty Images - Ilya S. Savenok) e Metallica em São Paulo (Foto: @MRossifoto/ Divulgação)

Um dos maiores nomes do rock, Ozzy Osbourne relembrou bastidores de turnê com Metallica nos anos 1980 - e revelou alguns detalhes de bastidores. Em entrevista ao Metal Hammer (via Web Rock Radio), o icônico cantor realizou uma retrospectiva da ascensão do banda liderada por James Hetfield e Lars Ulrich pelo mundo.

A turnê em questão aconteceu em 1986, nos Estados Unidos, ano no qual Metallica lançou e promovia Master of Puppets, terceiro disco de estúdio do grupo estadunidense. "Eles abriam nosso show," afirmou Osbourne. "Lembro-me de passar pelo camarim e eles tocavam [músicas do] Black Sabbath – eu não sabia que eram grandes fãs, pensei que eles tiravam sarro!"

+++LEIA MAIS: Ozzy Osbourne confirma que novo álbum está pronto

Em seguida, o site perguntou a Ozzy Osbourne como eram os integrantes da banda: "Enquanto estávamos em turnê, eu via James Hetfield andando por aí, como se quisesse perguntar algo. Eventualmente, ele se aproximou e disse: 'Queremos tocar 'Paranoid' com você,' e nós aceitamos, claro. Então, mostraram o quão grandes fãs do Sabbath eram. Cliff Burton tinha um sorriso enorme no rosto o tempo todo."

Como teve uma relação próxima com Metallica, Osbourne via um sucesso mundial do grupo. "Esperava absolutamente, você poderia dizer apenas de como a multidão reagia todas as noites. Você sabe, eles são uma ótima banda – eu lembro que tudo realmente decolou quando lançaram o Black Album (1991), especialmente com 'Enter Sandman.'"

+++LEIA MAIS: Jimmy Page recusou participação em disco de Ozzy Osbourne; entenda

James Hetfield se emociona em último show do Metallica no Brasil e desabafa

James Hetfield, vocalista do Metallica, se emocionou durante o show da banda na quinta-feira, 12, em Belo Horizonte, o último show da passagem da banda pelo Brasil, ao falar sobre inseguranças no atual momento da carreira.

Para o público de 60 mil pessoas que lotavam o Estádio do Mineirão, o cantor de 58 anos admitiu que estava “se sentindo um pouco desconfortável e com medo” antes de subir ao palco, após tocar o single One.

+++ LEIA MAIS: Metallica lota Morumbi em São Paulo; veja como foi o show

“Preciso dizer que eu não estava me sentindo muito bem antes de vir aqui. Estava me sentindo um pouco inseguro, como se eu fosse um cara velho, que não pudesse tocar mais e toda essa besteira que eu digo a mim mesmo na minha cabeça. 

Hetfield revela que pediu ajuda aos parceiros de banda antes do show começar, e todos os integrantes o abraçaram, em forma de apoio, dizendo: ‘Ei, se você está lutando no palco, nós te apoiamos’. E eu lhe digo, isso significa o mundo para mim”.

Após sua fala emocionada, seus colegas de banda se aproximaram e lhe deram um abraço coletivo no palco. Na sequência, James brincou com os fãs dizendo sobre a necessidade trazer uma equipe médica de parto, após uma fã ter dado à luz durante o show da banda no Paraná.

+++ LEIA MAIS: Miley Cyrus comenta conexão com 'Nothing Else Matters', do Metallica: 'Escrita para mim'

James Hetfield enfrenta há anos uma batalha contra o vício em álcool, ansiedade e baixa autoestima. No final de 2019 ele se internou numa clínica de reabilitação para tratar o problema. Confira o desabafo de James Hetfield abaixo: