Pai de Britney Spears é oficialmente removido da função como tutor da cantora

Pai de Britney Spears deixou a função após pedido da cantora para a Justiça acelerar o fim da tutela

Mariana Rodrigues (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 29/09/2021, às 20h26

None
Britney Spears em 2013 (Foto: Jason Merritt/Getty Images)

Britney Spears foi oficialmente liberada da tutela do pai, Jamie Spears, nesta quarta, 29 de setembro. Desde 2008, cantora tinha a vida administrada pelo pai, quem recentemente desistiu da tutela, mas só seria removido do cargo após audiência prevista para janeiro de 2022. (via G1)

No entanto, Britney pediu para a Justiça norte-americana acelerar a remoção do pai da função e foi atendida pela juíza Brenda Penny. Por enquanto, o contador John Zabel assumirá o papel de Jamie e, posteriormente, haverá uma audiência para decidir o fim do processo da tutela da cantora.

+++ LEIA MAIS: Britney Spears cita #FreeBritney pela primeira vez: ‘Só sabem metade da situação’

Entre os motivos para o pedido do adiantamento é que a situação impedia Britney de assinar um acordo pré-nupcial com o noivo, Sam Asghari. Além disso, a defesa também criticou como o pai lidou com a tutela, alegando que "Britney Spears merece acordar amanhã sem ter o pai como tutor," disse o advogado da cantora Matthew Rosengart durante a audiência. 

Após meses da campanha #FreeBritney, que pedia pelo fim da tutela da cantora, Jamie desistiu de ser tutor de Britney. Durante depoimento em junho deste ano, a artista afirmou como a decisão judicial de que o pai controlasse a vida dela era abusiva, constrangedora e idiota.

+++ LEIA MAIS: Afinal, Britney Spears pode processar o próprio pai por abuso de tutela?

Tutela de Britney Spears

Em uma audiência de tutela em junho, Britney Spears acusou o pai e a tutela de controlar opressivamente as próprias finanças, negócios e decisões pessoais, e o próprio corpo; ela disse ao tribunal que lhe foi prescrito lítio contra sua vontade e não tinha permissão para se casar, ter outro filho ou ter o próprio DIU removido.

"Tudo que eu quero é ter meu dinheiro... E que isso acabe... E meu namorado seja capaz de me levar em seu carro. E honestamente… Quero poder processar minha família," disse Britney durante a audiência. Ela acrescentou: "Realmente acredito que essa tutela é abusiva."

+++ LEIA MAIS: Britney Spears: pai da cantora surpreende e abre petição para fim da tutela: 'Deveria ter essa chance'