Pearl Jam: Fã toca bateria em show após Matt Cameron contrair covid-19

Foi a primeira vez em 24 anos que Matt Cameron não participou de uma apresentação da banda estadunidense

Redação Publicado em 14/05/2022, às 11h00

None
Eddie Vedder, Dave Krusen, Stone Gossard, Jeff Ament, Mike McCready e Matt Cameron do Pearl Jam (Mike Coppola/Getty Images)

Matt Cameron, baterista do Pearl Jam, não foi ao show da banda em Oakland, Estados Unidos, porque contraiu covid-19. Para não perder o show, o grupo estadunidense contou com diversos reforços de peso da indústria da música - e até mesmo um fã. As informações são do NME.

Foi a primeira vez em 24 anos que Cameron perdeu um show da banda. Então, Josh Klinghoffer, integrante da turnê e ex-guitarrista do Red Hot Chili Peppers, assumiu a bateria para diversas canções, como "Rockin' In The Free World," "Elderly Woman Behind The Counter In A Small Town," "Why Go" e "Corduroy."

+++LEIA MAIS: Pearl Jam: Os 13 maiores discos de todos os tempos para Eddie Vedder: de The Who a Sonic Youth [LISTA]

Além disso, Richard Stuverud, colaborador de longa data do Pearl Jam, assumiu a bateria em "Quick Escape" e "Superblood Wolfmoon" antes de um fã aparecer para o final do show com a música "Yellow Ledbetter." Veja as filmagens do show abaixo:


Pearl Jam homenageia Taylor Hawkins, dos Foo Fighters, em show

Pearl Jam prestou homenagem ao baterista do Foo Fighters, Taylor Hawkins - encontrado morto no dia 25 de março deste ano. O vocalista Eddie Vedder falou pelo grupo de Seattle durante show da abertura da turnê Gigaton, na última terça, 3.

+++ LEIA MAIS: Red Hot Chili Peppers presta homenagem emocionante a Taylor Hawkins; confira

Antes de tocar a faixa "Quick Escape," Vedder elogiou e relembrou o icônico músico: "Hawkins emitiu algo muito incrível e especial. Sentimos muita falta dele."

O baterista do Pearl Jam, Matt Cameron, era mais próximo de Taylor, e foi mencionado pelo colega de banda durante breve tributo (via NME): "Matt, sinto muito novamente pela sua perda. Isso nos da outra chance de dizer o quanto apreciamos você também."

+++ LEIA MAIS: Foo Fighters: Fã paraguaio relata última semana de Taylor Hawkins no país

Os músicos formaram banda Nighttime Boogie Association juntos em 2020, após tocarem em tributo a Chris Cornell. Além disso, possuíam amizade antiga, conforme Eddie ressaltou.

Confira o momento:

+++LEIA MAIS: Nirvana, Pearl Jam e Soundgarden formam supergrupo 3rd Secret; conheça