R.E.M.: Michael Stipe diz que banda ‘nunca vai se reunir’

O R.E.M. se separou em 2011 e, para o cantor Michael Stipe, não há chance de retorno

Redação Publicado em 21/09/2021, às 20h18

None
Michael Stipe (Foto: Steffen Schmidt/AP)

Banda de rock norte-americana, o R.E.M. se separou em 2011 - e, desde então, os integrantes nunca deram esperança para uma possível reunião do grupo. Em entrevista, Michael Stipe negou novamente o retorno do grupo. 

Em entrevista ao apresentador Alison Stewart, Stipe comentou sobre um artigo da Rolling Stone EUA que mostrava a probabilidade do R.E.M. se reunir novamente. Com isso, o cantor logo negou a possibilidade. 

+++ LEIA MAIS: R.E.M.: Michael Stipe faz campanha de vacinação contra Covid-19: 'Segura, fácil de obter e protege'

“Isso é ilusão. Nunca nos reuniremos. Decidimos quando nos separamos que isso seria realmente cafona e provavelmente geraria muito dinheiro, o que poderia ser o ímpeto para muitas bandas voltarem a ficar juntas,” explicou Stipe. 

Segundo o Consequence Sound, anteriormente, o cantor já havia mencionado como era impossível o R.E.M se reunir, e ainda acrescentou: “Amo muito esses caras e os respeito muito como músicos e compositores, mas simplesmente não quero fazer aquilo que as pessoas fazem. Desprezo a nostalgia. Não sou bom em olhar para trás.”

+++ LEIA MAIS: R.E.M. volta às paradas com o hit ‘It's the End of the World as We Know It’ - sim, por causa do coronavírus

O sucesso do R.E.M.

Formado em 1980, na Geórgia, EUA, o R.E.M. foi uma banda de rock norte-americana composta pelo vocalista Michael Stipe, guitarrista Peter Buck, baixista Mike Mills e baterista Bill Berry.

Na década de 1990, o grupo foi visto como pioneiro no rock alternativo - e, na mesma época, lançou os discos de maior sucesso: Out of Time(1991) e Automatic for the People (1992). O fim do grupo foi anunciado em 21 de setembro de 2011. 

+++ LEIA MAIS: Michael Stipe faz 61 anos: Relembre os maiores hits do R.E.M. [LISTA]