Tom Morello volta a defender amizade com Ted Nugent: 'Importante manter diálogo com pessoas de quem você discorda'

Apesar das diferenças políticas, Tom Morello volta a defender a amizade entre os dois

Redação Publicado em 18/10/2021, às 12h19

None
Tom Morello durante o Sonic Temple Art and Music Festival em 2019 (Foto: Amy Harris / Invision / AP) | Ted Nugent (Foto: Getty Images / Randy Snyder / Correspondente)

Tom Morello voltou a defender a amizade dele com Ted Nugent, quem é muito criticado pelos posicionamentos políticos controversos de direita. O guitarrista do Rage Against The Machine, conhecido por ser um grande ativista, já havia dito que apesar das diferenças políticas, os dois mantém uma boa amizade. 

Em uma entrevista recente ao NME, Morello disse que "se reserva o direito de ser amigo de qualquer pessoa": "Reservo-me o direito de confrontar opiniões das quais discordo, com o coração aberto e com amor, ou atirando um tijolo. Isso é comigo."

+++ LEIA MAIS: Acusado de privilégio branco, Tom Morello responde: 'Não sou branco'

"No caso de Ted, eu sei que ele se transformou em um tipo de caricatura da direita, mas várias vezes eu falei com ele sobre questões que podem surpreendê-lo. Mas ele ainda é o Tio Ted Louco, dizendo todos os tipos de merdas," acrescentou.

Ele concluiu: "Pode ser importante manter um diálogo aberto com as pessoas de quem você discorda, especialmente nesta comunidade global de discordâncias. Embora às vezes seja tão importante bloqueá-los."

+++LEIA MAIS: Tom Morello diz que fãs ficam inconformados ao saber que ele é negro

Como lembra o NME, um exemplo das visões políticas de Morello e Nugent são as respectivas interpretações de Donald Trump. Enquanto o primeiro criticou publicamente o ex-presidente dos Estados Unidos, o segundo mostrou apoio ao mesmo.


Tom Morello e ativismo político

Em coletiva de imprensa para divulgar o disco solo, The Atlas Underground Fire, Tom Morello falou sobre fãs que deixam de gostar de certos artistas - incluindo o Rage Against The Machine - ao descobrirem que as letras tratam sobre política. 

+++LEIA MAIS: Tom Morello: 'Se um artista faz música para todos concordarem, provavelmente será uma m*rda' [ENTREVISTA]

"As pessoas vão ficar ofendidas, mas f*da-se!," afirmou Tom Morello ao ser questionado sobre perder fãs por causa de posição política. "Então, isso é bom. Isso é bom para o artista. Se você é um artista que faz música para todos concordarem, provavelmente será uma m*rda," acentuou o guitarrista de 57 anos.