Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

VMA 2022: Johnny Depp surge fantasiado de Moonman: 'Precisava do trabalho'

Antes da premiação, rumores já apontavam que Johnny Depp negociava a aparição como Moonman no VMA 2022

Redação Publicado em 28/08/2022, às 21h59 - Atualizado às 22h23

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Johnny Depp no VMA 2022 (Foto: Reprodução /Twitter)
Johnny Depp no VMA 2022 (Foto: Reprodução /Twitter)

Após diversas especulações, Johnny Depp enfim surgiu fantasiado de Moonman no MTV Video Music Awards (VMA) de 2022. Vale lembrar como o personagem é o grande ícone da premiação, além de ser a estatueta dos vencedores.

A participação foi breve, logo no começo do VMA 2022, e chamou bastante atenção nas redes sociais. Em uma tomada aberta do palco, Moonman aparece com o capacete fechado, mas ele tira a lente espelhada e revela o rosto de Depp. Veja abaixo:

Segundo informações do Decider, o ator se pronunciou oficialmente sobre a fantasia de Moonman: "Hey, quer saber de uma coisa? Eu precisava do trabalho." Além disso, ele voltou a aparecer na cerimônia e voltou a brincar sobre o acontecimento. "Também estou disponível para aniversários, casamentos, para o que vocês quiserem. Só chamar," disse.

+++LEIA MAIS: VMA 2022: Veja os vencedores da premiação da MTV [LISTA]


Johnny Depp irá dirigir filme sobre Modigliani, com produção de Al Pacino

Meses depois de vencer um longo processo de difamação contra Amber Heard, sua ex-esposa, Johnny Depp deve retornar para as telas de cinema em breve, atuando e também dirigindo. E uma dessas produções, de acordo com o The Hollywood Reporter, é o longa Modigliani, que o ator irá dirigir ao lado dos co-produtores Al Pacino e Barry Navidi.

Baseado na peça de Dennis McIntyre, o filme contará a história do pintor e escultor Amedeo Modigliani. Com gravações previstas para a primavera de 2023, a trama se passará nos dois dias que o artista passou em Paris, período que marcou sua carreira em meados de 1916.

+++LEIA MAIS: Johnny vs. Amber pode ter inspirado episódio de Law & Order

Estou incrivelmente honrado por poder trazer a saga da vida de Modigliani para as telas”, afirmou Johnny Depp, em comunicado enviado à imprensa. “Foi uma vida de grandes dificuldades, mas um triunfo final — uma história universalmente humana com a qual todos os espectadores podem se identificar.”

Como co-produtores do longa, Al Pacino e Barry Navidi também falaram sobre a produção. Navidi, por exemplo, revelou que o projeto “está muito próximo do coração de Al Pacino” e, segundo o IndieWire, ainda falou sobre sua relação com a trama.

Al me apresentou a peça ‘Modigliani’ muitos anos atrás e eu imediatamente me apaixonei por ela”, disse o produtor. “Esta é uma fatia da vida do pintor e não uma biografia. Tem sido um sonho meu trabalhar com Johnny novamente — ele é um verdadeiro artista com uma visão incrível para trazer essa grande história para a tela.”

Diante e atrás das câmeras

Modigliani será o primeiro filme comandado por Johnny Depp em 25 anos, desde que o ator dirigiu a si mesmo e ao icônico Marlon Brando no drama O Bravo, de 1997. O novo projeto, no entanto, não será a única obra a marcar o retorno de Depp para as telonas, já que ele também viverá um dos principais personagens do longa Jeanne du Barry.

+++LEIA MAIS: Christina Ricci diz que Johnny Depp a ensinou sobre homossexualidade

Na última quarta-feira, 10, inclusive, foi divulgada a primeira imagem de Depp caracterizado como o rei francês Luís XV para a produção histórica. Dirigido, produzido e protagonizado pela cineasta francesa Maïwenn, o drama de época foi inspirado na vida de Jeanne du Barry, a última amante de Luís XV na Corte de Versalhes. Confira a foto inédita:

Johnny Depp como Luís XV
Johnny Depp caracterizado para o filme Jeanne du Barry (Foto: Divulgação/ Why Not Productions)