The Weeknd: Estreia, capa, colaborações e tudo que sabemos sobre dawn FM, disco de Abel Tesfaye

Sucessor do aclamado After Hours, dawn FM ganhou data de estreia na segunda, 3 de janeiro, após anúncio de The Weeknd

Redação Publicado em 04/01/2022, às 14h54

None
The Weeknd em teaser de down FM (Foto: Reprodução/Instagram)

Após o sucesso de After Hours (2020), The Weeknd está prestes a lançar um novo disco: dawn FM. Em um teaser envolvente divulgado nas redes sociais na segunda, 3 de janeiro, Abel Tesfaye confirmou algumas informações sobre o trabalho, como estreia e colaborações incríveis.

O novo trabalho de The Weeknd está cercado por altas expectativas, principalmente após alcançar marcos impressionantes com After Hours em 2020. Apesar de o trabalho não ter sido indicado ao Grammy pelo lançamento, o single "Blinding Lights" se consolidou como a música mais ouvida do ano, e estabeleceu um recorde de semanas no topo das paradas da Billboard.

+++LEIA MAIS: Jim Carrey descreve disco de The Weeknd como 'profundo e elegante'

Assim, dawn FM representa o trabalho de The Weeknd que chega após uma grande explosão na carreira do cantor canadense. Para você não perder nada sobre o novo disco de Abel Tesfaye, a Rolling Stone Brasil separou todas as informações já anunciadas sobre o lançamento:

dawn FM: estreia

The Weeknd usou as redes sociais na segunda, 3 de janeiro, para surpreender os fãs com uma data de estreia incrivelmente próximo: sexta, 7 de janeiro de 2022.

+++LEIA MAIS: The Weeknd: Todos os discos de Abel Tesfaye, do pior ao melhor [LISTA]


dawn FM: capa

Nesta terça, 4, The Weeknd também divulgou qual será a capa do disco, intitulado dawn FM. Assim como After Hours (2020), Starboy (2016), Beauty Behind Madness (2015) e Kiss Land (2013), o cantor estampará a imagem central que levará o nome do trabalho.

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por The Weeknd (@theweeknd)

Abel Tesfaye, contudo, aparece com cabelos grisalhos e barba branca, caracterizado bem mais velho do que sua idade atual, 31 anos. A maquiagem retoma a construção narrativa e estética feita em After Hours, e, certamente, tem relação com o conceito que o cantor canadense busca passar por meio das músicas e clipes do novo trabalho.

+++LEIA MAIS: The Weeknd: O que esperar de The Dawn, nova era de Abel Tesfaye?


dawn FM: colaborações

Além de divulgar a data de estreia na segunda, 3, o teaser publicado por The Weeknd mostra algumas participações icônicas em dawn FM. Colaboram no trabalho o rapper Lil Wayne, o icônico produtor musical Quincy Jones, o músico Oneohtrix Point Never, o rapper Tyler, The Creator e o emblemático ator Jim Carrey.

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por The Weeknd (@theweeknd)


dawn FM: Tracklist

Nesta quarta, 5 de janeiro, The Weeknd usou o Instagram para divulgar a tracklist do disco, que tem 16 faixas, incluindo a homônima "dawn FM" e mais 15; confira na ordem: "Gasoline", "How Do I Make You Love Me", o single lançado anteriormente "Take My Breath", "Sacrifice", "A Tale By Quincy", "Out Of Time", "Here We Go... Again", "Best Friends", "Is There Someone Else?", "Starry Eyes", "Every Angel is Terrifying", "Don't Break My Heart", "I heard you're married", "Less than Zero" e "Phanton Regret By Jim". 

+++LEIA MAIS: Por que amamos tanto The Weeknd?

dawn FM:  como será a sonoridade?

Assim como After Hours, dawn FM parece beber na fonte do pop oitentista com muitos sintetizadores — tudo isso em diálogo com o R&B e a característica morbidez e melancolia presente na sonoridade, letras e clipes de The Weeknd.

O teaser divulgado por The Weeknd na segunda, 3, representa, justamente, essa sonoridade explorada pelo cantor nos últimos anos. Ainda, “Take My Breath”, lançado em 2021, deve ser um dos singles de dawn FM — e apresenta o synth pop oitentista (gênero característico pelo uso do teclado com sintetizadores) explorado pelo músico. Com batidas eletrizantes e uma progressão que desemboca no envolvente refrão, a canção deve se somar a outros hits no disco.

+++ LEIA MAIS: Das ruas de Toronto aos palcos do Super Bowl: A trajetória de The Weeknd até se tornar um dos maiores artistas da atualidade


dawn FM: do que se trata?

Descrito pelo músico como "um novo universo sônico da mente de The Weeknd", dawn FM parece se aprofundar nos pensamentos e reflexões do canadense. Em entrevista recente à Billboard, o astro fez algumas revelações sobre como pensa o novo trabalho, e o descreveu como um "purgatório":

“Imagine o álbum como se o ouvinte estivesse morto. E eles estão presos nesse estado de purgatório, que eu sempre imaginei que seria como estar preso no trânsito, esperando para chegar ao semáforo no final da rua,” explicou.

+++LEIA MAIS: Grammy 2021: 4 motivos pelos quais The Weeknd merecia pelo menos uma indicação

The Weeknd continuou a falar sobre as sensações que o disco remete nele: “Enquanto você está preso no trânsito, eles colocam uma estação de rádio tocando em seu carro, com um locutor de rádio guiando você para a luz e ajudando na transição para o outro lado. Então, pode parecer comemorativo, pode parecer desolador, como você quiser que pareça, mas é isso que dawn é para mim,” disse (via Rap+)


dawn FM: estética

Assim como a narrativa cinematográfica proposta por The Weeknd nos clipes de After Hours, dawn FM não deve ser diferente — e o teaser é a prova. Em um minuto de vídeo, é possível conferir filmagens impressionantes, cenas do cantor em diversas situações e diferentes caracterizações.

+++LEIA MAIS: De The Weeknd a Taylor Swift: 5 melhores maquiagens feitas para videoclipes

Portanto, o conceito artístico e estético de The Weeknd também deve ganhar força no visual dos clipes para o novo trabalho, assim como deve manter a habilidade narrativa que transforma as faixas do músico em uma experiência sensorial que ocorre em uma sequência certeira.