4 filmes que são adaptações de musicais da Broadway: Chicago, Annie e mais [LISTA]

Descubra quais histórias ganharam adaptações para o cinema nos últimos anos

Mariana Rodrigues (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 27/04/2021, às 18h49

None
Chicago (Foto: Divulgação / American Film Institute)

A Broadway é uma avenida em Nova York conhecida pelos grandes teatros onde muitos musicais famosos ficam em cartaz, como O Fantasma da Ópera, Rei Leão e Wicked. Graças ao sucesso, algumas produções ganham adaptações para o cinema, como foi o caso de Mamma Mia!e Os Miseráveis.

A mais nova peça a ganhar uma versão cinematográfica foi Em Um Bairro em Nova York (In The Heights, no nome original), com lançamento previsto para 17 de junho. O elenco conta com nomes como Lin-Manuel Miranda, de Hamilton, Stephanie Beatriz, de Brooklyn Nine-Nine, entre outros.

+++ LEIA MAIS: Além de High School Musical: 4 produções musicais para assistir no Disney+ [LISTA]

Enquanto o longa não chega ao cinema, confira outros quatro filmes adaptados de produções da Broadway.


Chicago (2002)

Após matar o marido, a dançarina Velma Kelly (Catherine Zeta-Jones) cai nas mãos de Billy Flynn (Richard Gere), um advogado oportunista. Por conta do crime, a fama de Velma cresce ainda mais até a cantora Roxie Hart (Renée Zellweger) também assassinar o namorado. Billy se aproveita da situação para também transformar Roxie em uma estrela, iniciando uma disputa pelo posto de maior celebridade.

+++ LEIA MAIS: De Billie Eilish a Rihanna: confira 6 documentários musicais para assistir em 2021 [LISTA]


Amor, Sublime Amor (1961)

Os guetos do lado oeste de Nova York são dominados por duas gangues rivais: os Sharks, porto-riquenhos, e os Jets, brancos de origem anglo-saxônica. As intrigas aumentam quando Tony (Richard Beymer), ex-líder dos Jets, se apaixona por Maria (Natalie Wood), irmã do líder dos Sharks.


Annie (2014)

Annie (Quvenzhané Wallis) é uma jovem órfã. A garota vive sob os cuidados da cruel Hannigan (Cameron Diaz), mas tudo muda quando ela conhece, por acidente, o rico político William Stacks (Jamie Foxx). Então, Annie é convidada para passar alguns dias com William, para melhorar a imagem dele na mídia.

+++ LEIA MAIS: 3 séries de TV que dariam ótimos musicais - e 3 musicais que dariam ótimas séries


A Festa de Formatura (2020)

Emma (Jo Ellen Pellman) é uma adolescente lésbica em buscar de convencer a associação de pais da escola onde estuda a deixarem levar a namorada ao baile. Após a história ganhar repercussão na internet, um grupo de atores da Broadway decidem ir até a cidade de Emma para ajudá-la.


+++ FBC E VHOOR | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL


+++SAIBA MAIS: 7 curiosidades sobre Heath Ledger: nome, caracterização do Coringa, melhor amigo e mais [LISTA]

Apesar de ter vivido apenas 28 anos, Heathcliff Ledger (mais conhecido por Heath) marcou o cinema com papéis como Patrick Verona em 10 Coisas que Eu Odeio em Você (1999) e Coringa em Batman: O Cavaleiro das Trevas (2008)

Heath nasceu em Perth, Austrália, em 4 de abril de 1979. Neste domingo, completaria 42 anos. Confira sete curiosidades sobre o ator: da origem de nome a quem era o melhor amigo. 

+++LEIA MAIS: Além de Coringa: 4 papéis icônicos de Heath Ledger [LISTA]

Nome

O nome do ator, Heathcliff, foi inspirado em um personagem de O Morro dos Ventos Uivantes (1847), de Emily Brontë, livro preferido da mãe dele, Sally Ledger. Do mesmo romance, Sally tirou o nome de outra filha, Katherine. 


Primeiras experiências

Heath estudou na Guildford Grammar School, escola só para meninos, onde teve a primeira experiência como ator. Aos 10 anos, participou de uma montagem da peça Peter Pan.

+++LEIA MAIS: Warner queria a origem do Coringa de Heath Ledger em Batman: O Cavaleiro das Trevas; o que aconteceu?

Como ator profissional, um dos primeiros papéis da carreira foi em Home And Away (1988), espécie de novela teen a qual lançou várias estrelas australianas. Interpretou Scott por apenas 10 episódios e, apesar de ter feito muito sucesso, recusou propostas dos produtores para continuar.


Inspiração

Durante os anos de escola militar, Heath coreografou e dirigiu um grupo de 60 colegas para uma competição. Foi a primeira equipe masculina a disputar, e saíram vitoriosos. O ator comparou a apresentação ao estilo de Gene Kelly, de Cantando na Chuva (1952) e revelou como o dançarino era seu maior ídolo no cinema.

+++LEIA MAIS: Heath Ledger apanhou de verdade em uma das cenas mais violentas de Batman: O Cavaleiro das Trevas


Xadrez

Heath era um adorador de xadrez e jogava desde pequeno. Aos 10 anos, ganhou o campeonato júnior da Austrália Ocidental. Quando adulto, continuou o hábito e jogava frequentemente no Washington Square Park em Nova York (EUA). 


Gambito da Rainha

A partir do amor pelo xadrez, em 2008, anunciou planos de iniciar filmagens da adaptação do livro O Gambito da Rainha (1983). Teria sido a estreia de Heath como diretor de cinema. 12 anos depois, o romance foi adaptado para uma produção da Netflix e foi a série mais assistida de 2020, segundo JustWatch.


Jake Gyllenhaal

Colegas de elenco em O Segredo de Brokeback Mountain (2005), Heath e Jake Gyllenhaal se tornaram grandes amigos. O ator é, inclusive, padrinho da única filha de Ledger, Matilda.


Coringa

O vilão de O Cavaleiro das Trevas (2008) foi o papel de maior reconhecimento de Heath. Com ele, ganhou o Oscar póstumo de Melhor Ator Coadjuvante em 2009. Nas filmagens, projetou sozinho a composição do personagem. Segundo Heath, se Coringa fosse real, faria a própria caracterização.

+++LEIA MAIS: Heath Ledger recusou o papel de Batman antes de ser eternizado como Coringa de Nolan: 'Nunca vou participar de um filme de super-herói'