4 músicas incríveis do novo EP de Jorja Smith, Be Right Back [LISTA]

Depois do sucesso do disco de estreia, Lost and Found, Jorja Smith retorna com trabalho 'intermediário,' Be Right Back

Marina Sakai (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 30/05/2021, às 12h00

None
Jorja Smith no Festival Coachella em 2018 (Foto: Rich Fury/Getty Images)

Jorja Smith lançou o disco de estreia, Lost and Found, em 2018, com apenas 21 anos. O trabalho lançou a carreira da jovem, quem acabou indicada ao Grammy de Artista Revelação e foi a primeira artista independente vencedora do prêmio Escolha da Crítica nos BritAwards. Em maio de 2021, lançou o novo EP, Be Right Back

Smith é conhecida, principalmente, pela voz grave e harmoniosa e as influências R&B. Foi a atração de abertura de Bruno Mars na turnê mundial 24K Magic em 2017. Além disso, o primeiro disco teve participações de artistas de imenso sucesso, como Drake e Kendrick Lamar.

+++LEIA MAIS: Lizzo, Jorja Smith e mais: 4 mulheres incríveis do novo R&B que você deveria ouvir agora

A proposta de Be Right Back não é ser um disco, e sim um EP. As oito músicas são cortes do projeto futuro de Smith, o qual tem previsão de lançamento para 2022. No meio tempo, a cantora queria dar algo aos fãs para não passarem muito tempo esperando. 

A intenção não era inovar ou arriscar muito - diversas canções parecem uma continuação de Lost and Found -, mas traçar uma introdução ao caminho que deve seguir no futuro. O título é um bom indicativo, “be right back” significa “volto logo” em inglês. Um lembrete para não esquecermos de esperar pela nova Jorja Smith.

+++LEIA MAIS: Lollapalooza 2019: Potente, Jorja Smith traz seu R&B para o Brasil

Pensando nisso, confira quatro músicas incríveis de Be Right Back:


“Addicted”

“Addicted” é a faixa de abertura do EP. Assim como a maior parte das canções de Smith, o mais evidente é a sua voz. No fundo, apenas uma guitarra suave, um sintetizador e um ritmo de bateria e baixo. A cantora também repete alguns temas comuns de Lost and Found, como relacionamentos machucados e confusão.

+++LEIA MAIS: Glastonbury anuncia edição online com Coldplay, Damon Albarn, Haim, IDLES, Jorja Smith e mais


“Home”

Escrita em primeira pessoa, “Home” é uma das faixas mais honestas do EP, e fala sobre o sentimento de lar e precisar deixá-lo após um relacionamento que deu errado. Revive uma parceria de Lost and Found - Smith e o compositor Michael Stafford - e uma guitarra acompanha Smith ao longo de toda a música; é uma das melhores demonstrações da potência vocal da cantora.


“Bussdown”

Uma das mais distintas do EP, “Bussdown” também é a única com uma colaboração. Smith canta com a rapper britânica Shaybo sobre uma mulher quem não consegue encontrar a felicidade. As harmonias, mudança de andamento e estilo dancehall, aliados ao verso de Shaybo, tornam a música uma das melhores do trabalho.

+++LEIA MAIS: Lollapalooza 2019 além de Arctic Monkeys e Kendrick Lamar: os 9 melhores shows 'lado B' do line-up


“Gone”

“Gone” é uma balada com influências do soul e foi produzida por Rahki, responsável por trabalhos de Kendrick Lamar e Travis Scott. Novamente, foca na voz de Smith com bateria suave e um loop de piano abafado. A letra pode ser interpretada de formas diferentes - seja  um amor terminado e a dificuldade de superar a relação ou a morte de alguém querido: "Diga-me como manter meu mundo girando sem você / Como meu mundo será melhor sem você?"


+++ SUPLA | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL