5 clássicos do The Who que ultrapassam gerações [LISTA]

Roger Daltrey está completando 77 anos de vida nesta segunda, 1

Redação Publicado em 01/03/2021, às 17h28 - Atualizado às 17h43

None
Roger Daltrey em 2016 (Foto: Kevin Winter/Getty Images)

Nesta segunda, 1 de março, o cantor, ator e um dos fundadores do The Who, Roger Daltrey, completa 77 anos de vida. 

Baixinho, de cachos dourados e porte firme de galã de rock, Roger Daltrey sempre manteve uma voz incansável que competia com a guitarra de volume altíssimo do companheiro de banda Pete Townshend, que insistia em maltratar os alto-falantes dos amplificadores desde que começaram em 1964. 

+++LEIA MAIS: Afinal, quantos filhos tem Roger Daltrey, do The Who? 

Além dos timbres que alcançava, Roger Daltrey possuía outro dom invejado pelos roqueiros setentistas da época: rodava o microfone no palco como ninguém. Gesto feito com maestria que o tornava um frontman de respeito. 

Para celebrar o aniversário do cantor, listamos cinco canções icônicas do The Who que são eternas e ultrapassam gerações. Juntos, Roger Daltrey e Pete Townshend compuseram hinos da contracultura e da rebeldia adolescente. 

+++LEIA MAIS: Por que Pete Townshend, do The Who, colava de volta guitarras que quebrava no palco?

1. "My Generation"

A música título do primeiro álbum da banda, de 1965, mostrava o descontentamento de uma geração farta do passado e expressava o frescor adolescente dos britânicos sedentos por mudanças. 

Um ótimo exemplo de que a faixa cativa os jovens até os dias atuais é a baterista Nandi Bushell, de 10 anos, que fez um cover impressionante da canção e viralizou na internet


2. "Baba O' Riley"

A canção que abre o álbum Who's Next (1971) se tornou a mais conhecida da banda devido a série CSI: NY, na qual foi tema de abertura. A faixa também foi incluída na trilha sonora de Stranger Things, da Netflix, e escolhida pela Rolling Stone EUA como uma das 500 melhores músicas de todos os tempos.


3. "Substitute"

"Substitute" é outro clássico que remete à fase dourada da banda nos anos sessenta. Lançado como single em 1966, o hit foi regravado posteriormente pelos Ramones no álbum Acid Eaters(1993), ganhando videoclipe dos pais do punk rock com participações de Lemmy Kilmister, do Motörhead, e Sean Yseult, do White Zombie

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes


4. "Pinball Wizard"

"Pinball Wizard" é o destaque da famosa ópera-rock Tommy (1969), que narra a história de um garoto que sofreu abuso durante a infância e, para conseguir se comunicar, se tornou um mago da máquina de pinball. A faixa está entre as preferidas dos fãs. 


5. "Behind Blue Eyes"

Também do álbum Who's Next (1971), "Behind Blue Eyes" é daquelas baladas de fazer encher os olhos de lágrimas. A canção alcançou a 11ª posição na Hot Mainstream Rock Tracks, da Billboard, e o 18º lugar na Alternative Songs

Em 2003, a música ganhou uma versão fiel da banda de rap metalLimp Bizkit, provando que as composições do The Whoconquistam fãs em qualquer época e de qualquer geração, independente de quem as toque. 

+++LEIA MAIS: O dia que fã do The Who substituiu Keith Moon em show depois dele beber remédio para cavalo


+++ FBC E VHOOR REFLETEM SOBRE HIP-HOP: 'MÚSICA É PARA SER SENTIDA' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL