5 coisas que não fazem sentido em Harry Potter e a Criança Amaldiçoada [LISTA]

Apesar de retomar a história dos protagonistas da trilogia original, a peça não deixou muitos potterheads satisfeitos

Redação Publicado em 08/06/2021, às 13h48 - Atualizado às 13h50

None
Capa de Harry Potter e a Criança Amaldiçoada (Foto: Reprodução /Twitter)

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada (2016) colocou os queridos protagonistas dos livros de J.K. Rowling em ação novamente, mas não conseguiu repetir o sucesso da franquia literária - pelo menos entre os potterheads.

Em diversos pontos, a peça incomoda o leitor com as mudanças drásticas de personalidade de Harry, Hermione e Rony, além de apresentar eventos importantes que deveriam ter sido mencionados na saga original e soluções fáceis para os obstáculos desnecessários.

+++LEIA MAIS: Quem são os piores pais em Harry Potter, saga de J. K. Rowling? (Não são os Dursley) [LISTA]

Pensando nisso, o site Screen Rant listou diversas detalhes e acontecimentos que não fazem sentido em Harry Potter e a Criança Amaldiçoada e a Rolling Stone Brasil separou cinco itens da lista. Confira:

A gravidez de Bellatrix

Um dos principais pontos da peça que não fazem sentido é a gravidez de Bellatrix. A personagem deveria ter dado à luz durante As Relíquias da Morte, mas o filme e o livro não deixam nenhum indício de tal acontecimento.

+++ LEIA MAIS 4 cenas clássicas de Harry Potter - mas que não existem nos livros [LISTA]


Por que a cicatriz de Harry dói?

O grande problema da peça é incluir novos eventos em narrativas concluídas. A autora declarou inúmeras vezes que a cicatriz de Harry nunca mais doeu após a morte de Voldemort, afinal, a dor era causada pelo fragmento da alma do vilão, o qual tentava escapar de Harry. Então, por que o raio pulsa novamente em A Criança Amaldiçoada?


Por que Albus não foi para a Grifinória?

No final de As Relíquias da Morte, Albus Potter pergunta para o pai o que aconteceria se ele fosse colocado na Sonserina. Para tranquilizar o filho, Harry explica que é possível pedir para o Chapéu Seletor colocá-lo na Grifinória. Porém, o estudante não faz o pedido, o qual poderia ter evitado muitos conflitos da peça.

+++ LEIA MAIS: J.K. Rowling rejeitou ideia de Michael Jackson para um musical de Harry Potter

As leis do vira-tempo

O Prisioneiro de Azkaban estabeleceu regras sólidas sobre o uso do vira-tempo: qualquer tentativa de consertar o passado criará um loop temporal, no qual as duas linhas dependem uma da outra.

Mas em A Criança Amaldiçoada, as leis mudam e deixam as viagens no tempo mais confusas. Agora, cada mudança no passado pode causar grandes mudanças no futuro - isso leva à seguinte questão: Por que alguém inventaria um vira-tempo assim?

+++LEIA MAIS: 3 coisas em comum entre Voldemort, de Harry Potter, e Sauron, de O Senhor dos Anéis

Albus e Scorpius não deveriam ver os pais de Harry

Segundo o Screen Rant, Albus e Scorpius não poderiam ver os pais de Harry em Godric’s Hollow, em 1981. O casal estava escondido em casa, a qual foi enfeitiçada para impedir qualquer um de vê-los. De forma contraditória, a peça mostra a mãe passeando com bebê na rua e coloca os dois meninos para testemunharem a trágica morte de Lílian e Tiago.


+++ URIAS: 'AS PESSOAS ESTÃO COMEÇANDO A ENTENDER MAIS DE MIM' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL