5 curiosidades sobre O Diabo Veste Prada: de inspiração em Anna Wintour a casamento [LISTA]

Com grandes atuações, figurinos incríveis e o glamouroso mundo da moda, O Diabo Veste Prada completou 15 anos em 2021

Vitória Campos (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 23/05/2021, às 15h00

None
Meryl Streep como Miranda Priestly em O Diabo Veste Prada (Foto: Divulgação)

Lançado há 15 anos, O Diabo Veste Prada (2006) se tornou um filme inesquecível com grandes atuações - Meryl Streep como Miranda Priestly e Anne Hathaway como Andy-, figurinos incríveis e por causar uma imersão ao universo glamouroso da moda. 

A produção se tornou um ícone fashion, e contava a história de AndySachs (Anne Hathaway), jornalista recém-formada quem consegue um emprego na revista Runway, comandada por Miranda Priestly. No entanto, mesmo sendo um trabalho sonhado por muitos, Andy precisa decidir se esse é o caminho ideal para ela. 

+++ LEIA MAIS: Quem era o vilão de O Diabo Veste Prada, Miranda ou namorado? Entenda o debate

Confira cinco curiosidades sobre O Diabo Veste Prada - de inspiração a casamento graças ao filme:


Meryl Streep quase não interpretou Miranda 

Meryl Streep como Miranda Priestly em O Diabo Veste Prada (Foto: Divulgação)

 

Meryl Streep gostara do roteiro logo no primeiro momento, mas não estava satisfeita com o valor que receberia para interpretar a editora-chefe Miranda Priestly. De acordo com a Variety, a atriz contou sobre quando demonstrou não estar feliz com o cachê, e os produtores resolveram dobrar o valor. E, felizmente, Streep aceitou a oferta e ganhou US$ 4 milhões.

+++ LEIA MAIS: Anne Hathaway sobre papel em O Diabo Veste Prada: ‘Fui a 9ª escolha’


Inspirado em Anna Wintour

Anna Wintour (Foto: Anthony Ghnassia / Getty Images)

 

Não é segredo como a personagem de Miranda Priestly foi escrita inspirada em Anna Wintour, editora-chefe da Vogue norte-americana. Até mesmo o escritório de Miranda foi recriado pela diretora de arte Jess Gonchor para se assemelhar ao máximo com o de Wintour. No entanto, a editora-chefe da Vogue não se sentiu ofendida, e contou à ABC News ter adorado o filme: “Tudo que torna a moda divertida e interessante é maravilhoso para nossa indústria.”


O Diabo Veste Prada foi responsável por um casamento

Stanley Tucci e Felicity Blunt (Foto: Ian Gavan / Getty Images)

 

Stanley Tucci, que interpretou Nigel, e Emily Blunt, atriz de Emily se tornaram amigos e a atriz o convidou para seu casamento com John Krasinski. Tucci era viúvo na época e, na cerimônia, conheceu a irmã de Blunt, Felicity. Os dois foram se conhecendo e chegaram a casar em 2012. “Stanley está na minha família de verdade,” disse Blunt à Variety. “Quão assustador é isso? Ele é casado com minha irmã. Tudo graças ao filme O Diabo Veste Prada.”

+++ LEIA MAIS: Musical de Diabo Veste Prada com músicas de Elton John ganha data de estreia


Anne Hathaway não era a primeira escolha para Andy

Anne Hathaway como Andy em O Diabo Veste Prada (Foto: Reprodução)

 

Quando assistimos O Diabo Veste Prada não conseguimos imaginar outra atriz para interpretar Andy a não ser Anne Hathaway, mas ela nem era a primeira opção para o papel, segundo a Variety. O diretor David Frankel fez a oferta para Rachel McAdams primeiro, mas ela recusou muitas vezes a proposta.


Emily não era britânica no roteiro

Emily Blunt como Emily em O Diabo Veste Prada (Foto: Reprodução)

 

O diretor David Frankel fez testes com 100 atrizes para o papel de Emily antes de finalmente encontrar Emily Blunt. A personagem seria norte-americana a princípio, mas Blunt fez a audição com seu sotaque britânico e todos gostaram tanto que resolveram mudar esse detalhe no roteiro.

+++ LEIA MAIS: Diabo Veste Prada, Um Lugar Silencioso e mais: 6 filmes icônicos de Emily Blunt [LISTA]


+++ MV BILL | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL