5 vezes em que o Avatar Aang foi mais vilão do que herói; comportamento abusivo, crueldade animal e abandono de amigos

Aang é um dos heróis mais humanizados e com falhas reais já vistos em desenhos animados

Redação Publicado em 29/07/2020, às 14h39

None
Avatar: A Lenda de Aang (foto: reprodução/ Nickelodeon)

O  Avatar Aang é um protagonista muito interessante. Vegetariano, bondoso e brincalhão são algumas das muitas qualidades dele, mas também há muitos defeitos, bem mais do que o espectador médio de um desenho animado poderia esperar, na verdade.

Aang, por ainda ser um garoto, é ingênuo, imaturo e várias vezes egoísta, os principais obstáculos na jornada dele para se tornar o Avatar e que fazem ele ter quase um papel vilanesco na série. Por isso é tão incrível vê-lo superando essas falhas.

+++LEIA MAIS: A Lenda de Aang e Korra: quem são todos os avatares que já vimos nas animações

Conforme listado pelo site CBR.com, relembramos momentos em que Aang poderia ser visto como o vilão da história e as maneiras que essas cenas contribuem com a história.


Fuga da missão do Avatar

Sim, o pobre Aang era apenas uma criança quando descobriu que o peso do mundo estava nos ombros dele, como a próxima encarnação do lendário Avatar. Mesmo assim, ele fugiu e sumiu por 100 anos. Esse erro causou um século de guerras e o genocídio dos nômades do ar.

+++LEIA MAIS: Afinal, qual é a dobra mais poderosa em Avatar: A Lenda de Aang?


Crueldade animal

Aang ama animais. Ele adora montar pinguins como seus trenós pessoais. Ele adora montar peixes gigantes. Ele basicamente montará qualquer um dos bichos gigantes do mundo. O problema é que ele não pergunta. Então, enquanto ele vê isso como diversão inocente, causa um dano real às criaturas.

+++LEIA MAIS: Os 12 melhores filmes de todos os tempos, segundo Tarantino


Abusando de outras pessoas no estado Avatar

Aang pode entrar no Estado Avatar quando sua vida está em perigo ou quando ele é levado ao limite e se sente impotente. Nesse estado, ele se torna mais poderoso, capaz de usar todos os quatro elementos à medida que ganha todos os poderes de suas vidas passadas.

+++LEIA MAIS: 5 momentos mais devastadores e tristes de Avatar: A Lenda de Aang

Em algumas ocasiões, Aang é levado longe demais e entra no Estado Avatar, momento em que chove devastação sobre os soldados do general Fong, do reino da terra, incluindo alguns que se considerariam aliados em outras circunstâncias.


Queimou Katara por acidente

Quando Aang tenta aprender a dobrar o fogo pela primeira vez, ele está desesperado para encontrar um mestre - nada fácil, considerando que a Nação do Fogo está em guerra com o resto do mundo e tentando caçá-lo. Ele finalmente encontra seu professor em Jeong Jeong, um velho conhecido como "o Desertor" por ter deixado o exército da Nação do Fogo para partir sozinho.

+++LEIA MAIS: Dev Patel pede desculpa pelo péssimo live action de Avatar: A Lenda de Aang

Jeong Jeong explica a Aang que antes de dominar a Dobra de Fogo, ele deve aprender o controle emocional através da Dobra de Água e da estabilidade que vem com a Dobra de Terra. Aang o ignora, brincando impetuosamente com fogo e queima Katara tanto que sua pele entra em erupção.


Abandonando (de novo) responsabilidades

Aang lutou para dominar suas habilidades. O iogue Guru Pathik esperou Aang em um dos Templos do Ar para ensinar ao jovem Avatar como dominar as habilidades, incluindo como dominar o Estado Avatar - algo essencial para Aang derrotar o Senhor do Fogo Ozai.

+++LEIA MAIS: Final decepcionante de Kylo Ren, de Star Wars, deveria se inspirar em Zuko em Avatar: A Lenda de Aang, diz site; entenda

Quando Aang chega ao Templo do Ar, ele inicia seu treinamento e rapidamente começa a dominar o básico, mas na parte mais importante de todo o processo, ele abandona suas responsabilidades e sai do treinamento. Ele faz isso para salvar Katara, mas, ao fazê-lo, sacrifica seu chamado espiritual por seus apegos terrestres.


+++ PLAYLIST COM CLÁSSICOS DO ROCK PARA QUEM AMA TRILHAS SOBRE DUAS RODAS