50 Cent se declara inocente em caso de violência doméstica

Juiz da corte de Los Angeles determina que o rapper deverá ficar longe da ex-namorada e abrir mão de suas armas

Redação Publicado em 06/08/2013, às 09h44 - Atualizado às 17h53

50 Cent
Evan Agostini / AP

O rapper 50 Cent se declarou inocente na última segunda, 5, quando compareceu à corte de Los Angeles por causa de uma suposta agressão à ex-namorada. Ao fim da audiência, o juiz Bernard Kamins determinou que o rapper não deverá ter qualquer contato com ela e terá que abrir mão de quaisquer armas que tiver, sendo que elas deverão ser entregues à polícia ou colocadas à venda.

Relembre dez artistas que foram detidos por posse de drogas.

Curtis Jackson, que é como se chama de verdade 50 Cent, permaneceu em silêncio durante toda a audiência a respeito de um incidente ocorrido em junho, em Toluca Lake, Los Angeles. A ex-namorada dele e mãe de seu filho, a modelo Daphne Narvaez, diz que o rapper a chutou e vandalizou sua casa, na ocasião. O dano material foi avaliado em US$ 7100.

A pena máxima a que o rapper poderá ser condenado é de cinco anos e multa US$ 46 mil.