6 ícones LGBTQ+ do rock e metal: de Elton John e Janis Joplin a Billie Joe Armstrong [LISTA]

Para celebrar o Mês do Orgulho LGBTQIA+, Loudwire compilou algumas das personalidades mais influentes do gênero que fazem parte da comunidade

Redação Publicado em 15/06/2021, às 10h59

None
Elton John (Foto: Greg Allen/Invision/AP), Janis Joplin (Foto:AP) e Billie Joe Armstrong (Foto: Stephan Solon/Divulgação)

Todo ano, junho é conhecido por ser o Mês do Orgulho LGBTQIA+, celebrado em homeagem aos protestos de Stonewall em junho de 1969, responsáveis por catapultar os direitos dessa comunidade em conversas públicas e na sociedade.

Para celebrar a data, o Loudwire compilou algumas figuras LGBTQIA+ do rock e metal mundial, como Elton John, Janis Joplin e Billie Joe Armstrong. São músicos brilhantes que são lésbicas, gays, bissexuais, transgêneros ou pansexuais. Veja abaixo:

+++LEIA MAIS: No mês do orgulho LGBTQIA+, High School Musical: The Musical: The Series faz história na Disney com casal gay


Elton John

Para o site, Elton John é, provavelmente, uma das primeiras pessoas a aparecerem em nossa mente quando falamos sobre figuras LGBTQIA+. O astro anunciou ser bissexual em meados dos anos 1970. Porém, assumiu ser gay uma década depois.


Mina Caputo

Mina Caputo teve dificuldade em lidar com as questões de identidade de gênero, confessando como lutou contra o vício em drogas e quase tirou a própria vida. Porém, quando se assumiu transgênero em 2011, a vida dela mudou completamente e diz se sentir em paz atualmente.

+++LEIA MAIS: Billie Eilish é acusada de ‘queerbaiting’ em novo clipe; entenda


Freddie Mercury

Freddie Mercury é outro dos primeiros músicos icônicos a se assumir LGBTQIA+. Como Loudwire relatou, o legado do astro continua sagrado para a comunidade.


Janis Joplin

A rainha do soul psicodélico nunca se assumiu publicamente, provavelmente por conta do período no qual vivia. No entanto, várias das amantes dela acabaram falando sobre os relacionamentos com a falecida cantora, como Peggy Caserta.

+++LEIA MAIS: Para Courtney Love, Dave Grohl 'não é o cara mais legal do rock': 'Continua a enriquecer com fortuna de Kurt'


Rob Halford

O lendário líder do Judas Priest é, talvez, a figura gay mais importante na comunidade do metal. Revelou a sexualidade no final dos anos 1990 - e reconhece isso como uma das coisas mais libertadoras da vida dele.


Billie Joe Armstrong

O líder do Green Day revelou ser bissexual em uma entrevista em 1995, e afirmou como sempre se sentiu assim. Para o cantor, todas as pessoas nascem bissexuais, mas os pais têm uma influência sobre o gênero que pensam preferir.

+++LEIA MAIS: Especial: Os 30 discos mais importantes de 1991


+++ URIAS | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL