6 músicas para conhecer Twenty One Pilots, banda de pop rock eletrônico formada por Tyler Joseph e Josh Dun

Banda foi formada em Columbus, Ohio em 2009

Felipe Grutter | @felipegrutter Publicado em 22/10/2020, às 14h17

None
Josh Dun e Tyler Joseph no mundo de Trench, último álbum do duo (Foto: Divulgação/Twenty One Pilots/Brad Heaton)

Twenty One Pilots, duo de pop rock eletrônico formada por Tyler Joseph (vocal, piano e baixo) e Josh Dun (bateria e trompete), é uma das maiores bandas da atualidade e coleciona diversos hits e sucessos. Inclusive, eles são o único grupo a ter todos os discos com todas as faixas com certificados de ouro ou platina.

Eles foram um dos headliners do Lollapalooza Brasil 2019 e o show deles foi um dos maiores destaques do festival. Essa foi a segunda vez do Twenty One Pilots, conhecido pelo som ecético e original, no país. No entanto, mesmo com tantos sucessos, o duo ainda não é conhecido por todo mundo.

+++LEIA MAIS: The Cranberries elogia Miley Cyrus por cover de ‘Zombie’: ‘É um dos melhores que já ouvimos’

Se você não conhece o trabalho de Tyler Joseph e Josh Dun, veja abaixo 6 músicas para conhecer Twenty One Pilots.


"Stressed Out"

Essa música é o maior sucesso do Twenty One Pilots. "Stressed Out", single do disco Blurryface, tem mais de 1.2 bilhão de reproduções no Spotify. Já no YouTube, o videoclipe da canção conta com mais de 2 bilhões de vizualizações.

A música foi ançada em 2015, mas só em 2016 pegou ótimas posições nas paradas. Ela alcançou a segunda posição do Billboard Hot 100 - e foi o primeiro trabalho do duo a chegar no top 10 dessa parada - e ficou atrás de "Love Yourself", do Justin Bieber.

"Stressed Out" é uma das músicas mais comerciais e pop de toda discografia da banda - e isso faz sentido ao analisar o sucesso da música -, mas isso não é nem um pouco ruim.

Além disso tudo, o videoclipe, dirigido por Reel Bear Media, é muito bom.


"Heavydirtysoul"

"Heavydirtysoul" foi o último single da era Blurryface e é extremamente importante na atual era Trench, porque o clipe da música faz parte de toda mitologia apresentada pela banda no último disco.

Nos Estados Unidos, a música alcançou o pico de 8° lugar na parada Hot Rock & Alternative Songs (Billboard), 2° na Alternative Airplay (Billboard) e 22° na Mainstream Rock (Billboard). O clipe da canção conta com mais de 135 milhões de visualizações.

"Heavydirtysoul" conta com um ritmo bastante acelerado e frenético, marcado principalmente pela bateria de Dun e o rap feito por Joseph.


"Jumpsuit"

Além de abrir o disco e a era Trench, o clipe de "Jumpsuit", que conta com mais de 96 milhões de visualizações, é uma continuação direta de "Heavydirtysoul". Nas paradas dos Estados Unidos, a música alcançou o pico de 1° lugar na Billboard Hot 100 e Billboard Rock Songs, e também a oitava colocação na Billboard Rock Songs.

Assim como "Stressed Out", "Jumpsuit" é bastante pop e possui uma pegada bastante comercial, mas não conseguiu chegar perto do sucesso.


"Chlorine"

"Chlorine" é o último single da lista. O clipe da música foi lançado em janeiro de 2019, possui mais de 290 milhões de visualizações e apresentou aos fãs um novo personagem: o fofo Ned, que representa o processo criativo de Tyler Joseph e Josh Dun.

Nas paradas dos EUA, a faixa se destacou nos seguintes charts da Billboard: Bubbling Under Hot 100 Singles (5° lugar), Hot Rock & Alternative Songs (3°), Alternative Airplay (1°) e Alternative Airplay (4°). 


"The Pantaloon"

Essa música não é um single, portanto não tem um videoclipe. No entanto, ela é um dos trabalhos mais diferenciados e inusitados (seja pela letra ou sonoridade) do Twenty One Pilots e consegue ser a melhor do duo até os dias de hoje.

Inclusive, "The Pantaloon" ao vivo é simplesmente maravilhosa.


"Trees"

Por fim, também temos "Tress", que também não é um single. No entanto, ela é uma das músicas mais poderosas da banda. Além disso, ela é quem encerra os shows e há anos a faixa não deixa de ser tocada.

Algo interessante sobre "Trees", com uma letra profunda e complexa, é que Tyler Joseph a escreveu com apenas 17 anos.


+++ XAMÃ: ‘SE VOCÊ NÃO SENTE NADA COM UMA MÚSICA, É PORQUE TEM ALGUMA COISA ERRADA' | ROLLING STONE BRASIL