6 músicas para ouvir andando de skate, por Pedro Barros e Yndiara Asp

Pedro Barros e Yndiara Asp, brasileiros campeões mundiais de park, montaram a playlist ideal para uma session de skate

Letícia Gerola Publicado em 14/07/2019, às 18h00

None
Black Alien, Charlie Brown Jr. e The Cure são algumas das pedidas dos campeões (Foto 1: Paulo Peixoto; Foto 2: Divulgação / TV Globo; Foto 3: KGC-138STAR MAXIPx)

“É difícil encontrar uma única fração do corpo que não sofra influências musicais”. A frase, dita pelo autor e pesquisador Ali Onaissi em 2016, foi comprovada por diferentes experimentos científicos. Assim como uma frequência no estilo solfeggio pode auxiliar a entrar no estado meditativo e o batidão eletrônico costuma ser o preferido nos treinos de academia, a música certa pode ser a parceira ideal para acompanhar a sessão de skate com os amigos.

+++ LEIA MAIS: As 24 melhores músicas da trilha sonora do game Tony Hawk’s Pro Skater 

Pedro Barros, 24, Yndianara Asp, 21, foram os campeões do Vans Park Series Pro Tour 2019, campeonato mundial da modalidade park (integrada nos Jogos Olímpicos de Tóquio em 2020). Em entrevista para a Rolling Stone Brasil, os atletas disseram quais são as suas músicas ideais para andar de skate. Confira: 

Yndiara Asp (Foto: Tauna Sofia)

 

“Dias de luta dias de glória”, Charlie Brown JR

Yndiara anda de skate há seis anos e subiu em pódios do skate mundial com frequência no último ano. Começa com uma escolha clássica: “Charlie Brown Jr é uma banda que sempre toca na minha sessão. Mantém a tranquilidade do rolê, ao mesmo tempo que conversa com esse universo do skate.”

“Boys Don’t Cry”, The Cure

"Curto sons na linha da música 'Boys Don’t Cry', são animadas e têm uma energia mais pra cima! Perfeito para uma sessão com meus amigos.” A faixa faz parte de Three Imaginary Boys(1979), disco de estreia do Cure, e o álbum inteiro caiu nas graças da atleta. 

On The Road

O rock da banda On The Road também está entre os favoritos de Yndiara na hora de manobrar pelas pistas. “Tem uma pegada mais agitada que eu adoro! É bom pra acertar aquela manobra que você já sabe, mas às vezes está errando por medo, sabe? Me dá aquela coragem que faltava pra ficar em cima e concretizar a trick.” 

Pedro Barros (Foto: Tauna Sofia)


+++ LEIA MAIS: Tranquilidade Selvagem: destemido em cima do skate, Pedro Barros aposta na simplicidade de uma vida sossegada

Pacific Gas & Electric

Pedro Barros, 24 anos, natural de Florianópolis e grande nome do skate mundial, quebra o estereótipo do skate punk e escolheu Pacific Gas & Electric, blues rock dos anos 1970, para sua lista. “Tem uma pegada meio groove, um ritmo dançante que instiga, não é só paulada! Lembra um pouco o jeito brasileiro de ser.”

"É Necessário", Tim Maia

Para andar de skate, músicas que mantenham o flow dos movimentos são uma boa pedida para Pedro. “Seguindo nessa linha de jeito brasileiro de ser, a música É Necessário, do Tim Maia, é sensacional pra andar. Não é das mais conhecidas, mas gosto bastante de ouvir e sair para o rolê.”

"Área 51", Black Alien

Todo o novo álbum do rapper carioca Black Alien - ex-skatista profissional - também compõe a playlist de Pedro. “Black Alien é puro skate, não só pela história dele mas pelo som também. Não é a pauleira constante que dá a dose de adrenalina, mas mantém o flow do rolê.”

Troca de música: som que corta a brisa

Assim como há músicas que valorizam a prática do esporte, alguns sons são motivo de botar o pé no chão, parar o skate e trocar de faixa. “Me adapto ao que estiver tocando! Não tenho problemas quanto à isso. Mas valorizo muito as letras, o que elas dizem, aquele som mais depressivo ou que fale sobre coisas negativas definitivamente não tem espaço na minha sessão”, garantiu Yndiara. Para Pedro, sertanejo não tem lugar na pista de skate (só na de dança): “acho que o ritmo do sertanejo não combina com skate, pra mim pessoalmente não favorece pra mandar as manobras… Também não sou muito fã de hardcore, apesar da fama de que todo skatista ama! Esses hardcores acelerados e meio melancólicos eu troco de faixa na hora”, explicou.

+++ VÍDEO: Di Ferrero escolhe os melhores de todos os tempos: de Metallica a Charlie Brown Jr.