6 séries de TV sobre crimes brutais e verdadeiros - para assistir e morrer de medo [LISTA]

Se você acha que série é só diversão, essas aqui vão te assustar

Camilla Millan Publicado em 25/08/2019, às 17h00

None
Charles Manson em uma cena da série Mindhunter, de David Fincher (Foto: divulgação)

Existe uma bizarra fascinação com assassinatos e serial killers. Não é por acaso que até hoje se fala sobre Charles Manson - cujos crimes estão e Era Uma Vez Em... Hollywood, novo filme de Quentin Tarantino. 

Mais curioso é o fato de que a indústria do entretenimento encontrou nesses casos mórbidos uma forma de fazer dinheiro. Não são poucas as séries e filmes que se baseiam em casos reais - e sangrentos. 

Algumas dessas séries, por sua vez, são excelentes obras narrativas, com a criação de perfis de personagens reais - inclusive, chegaram a reabrir casos que haviam sido dados como encerrados. 

A Rolling Stone separou aqui 6 séries que falam sobre crimes brutais e reais; confira!

O Assassinato de Gianni Versace: American Crime Story

A 2ª temporada da série antológica American Crime Story não poderia ter sido melhor escolhida. A série, feita para a televisão pela FX, retrata crimes reais acontecidos nos Estados Unidos. Na segunda temporada, o foco é um assassinato.  

Em uma narrativa complexa, American Crime Story  narra história de Andrew Cunanan, um jovem que realiza diversos assassinatos até chegar em Gianni Versace: morto à tiros na porta de sua casa em Miami.

Baseada em fatos reais, a série começa revelando as atrocidades de Cunanan, para, no decorrer dos episódios, explicar da onde veio tanta maldade e mentira. Apesar de receber críticas a respeito da veracidade dos fatos narrados, O Assassinato de Gianni Versace: American Crime Story ganhou 4 indicações para o Globo de Ouro 2019. 


Mindhunter

A série já lançou a 2ª temporada no dia 6 de agosto e não poderia ser mais realista quanto ao comportamento de um serial killer. O programa, inicialmente feito para a televisão, é baseado no livro "Mind Hunter: Inside the FBI's Elite Serial Crime Unit", de John E. Douglas e Mark Olshaker.

Mindhunter conta a história de dois agentes do FBI que começam um projeto de classificação de comportamento de serial killers em uma época na qual a pscicologa criminal apenas começava. Para isso, os agentes entrevistam uma série de serial killers que realmente existiram.

A trama gira também em torno do impacto desse projeto no relacionamento de um dos protagonistas, o jovem Holden Ford, com sua namorada. O que mais impressiona são os relatos detalhados dos assassinos, assim como o comportamento deles.

A atuação também é impressionante, fazendo com que o ator Jonathan Groff recebesse o prêmio de Melhor Ator em Série de Drama, no Satellite Awards, em 2018. 


The Confession Tapes

A série documentário tem a história mais impressionante quando se diz respeito ao que aconteceu ao final de suas gravações. Tendo como protagonista Robert Durst, a série procura analisar os casos em que Durst é suspeito: o assassinato de sua primeira mulher, Kathleen Durst, sua amiga Susan Berman e um vizinho. 

Após várias horas de entrevista com Durst, em um momento em que havia esquecido do microfone, o suspeito confessou para si mesmo o assassinato: “Agora acabou. Te flagraram. O que você fez? Matei todo mundo, é claro.”

O documentário fez com que uma nova investigação fosse aberta e ele fosse preso depois de várias vezes ter sido inocentado pelos crimes. 


Conversando com um Serial Killer: Ted Bundy

A série documental estreou no aniversário de 30 anos de execução do serial killer Ted Bundy, dia 24 de janeiro de 2019. Ela traz uma análise bem completa do caso, falando com delegados, advogados e promotores envolvidos nos vários crimes de Bundy.

No total, 30 crimes e mais de 100 horas de depoimentos do assassino. Tudo isso revela um detalhamento muito assustador de como os crimes foram realizados, e de como o assassino pensava.

A série fez tanto sucesso que virou filme protagonizado por Zac Efron. A história estreou nos cinemas no dia 25 de julho de 2019. 


Law and Order - True Crime: The Menendez Murders

A 1ª temporada de Law and Order - True Crime é uma dramatização do caso real dos irmãos Menendez, condenados em 1996 por assassinarem os seus próprios pais. Os jovens realizaram uma emboscada aos pais, matando ambos com cerca de 15 tiros. 

O crime inacreditável e o processo de julgamento dos irmãos foi representado na série entre 26 de setembro e 14 de novembro de 2017, quando a temporada foi televisionada pela NBC. A série de 8 episódios se tornou um sucesso, apesar de críticas em relação ao ritmo dos acontecimentos.

A maioria dos elogios foi para a atriz Edie Falco, que interpreta a advogada de defesa dos irmãos. Os capítulos deixam um ar de dúvida aos espectadores do motivo pelo qual os irmãos teriam cometido o crime. 


Desvendando Serial Killers

O programa de TV de Piers Morgan não poderia ser mais assustador quando temos em mente os motivos que levaram os assassinos a cometerem seus crimes. Em 3 entrevistas bizarras com serial killers condenados, Morgan tenta se aprofundar na mente dos criminosos.

Apesar da série ter várias críticas pela maneira que Morgan tenta conversar com os presidiários, é um bom conteúdo para quem gostaria de ver filmagens reais, sem atuação ou dramatização. 

+++ De Djonga a Metallica: Scalene escolhe os melhores de todos os tempos