As 8 músicas que Paul McCartney levaria para uma ilha deserta: de John Lennon a The Coasters

O ex-beatle montou uma linha musical do rock com suas preferências - e não esqueceu da esposa, tampouco

Redação Publicado em 18/02/2020, às 14h36

None
Paul McCartney (Foto:The Yomiuri Shimbun/AP Images)

O ex-beatlePaul McCartney foi convidado especial no aniversário de 40 anos do programa Desert Island Discs em 1982. Roy Plomley, radialista e apresentador, tinha uma brincadeira especial durante todas essas décadas: perguntar para seus entrevistados oito músicas que eles levariam para uma música deserta, além de um ítem de luxo e um livro.

McCartney, então com 40 anos e já fora dos Beatles, fez escolhas bem previsíveis. Seu livro seria Linda’s Pictures, livro de fotografia da esposa. Para ítem de luxo, quis uma guitarra, jus à sua alma musical.

+++ LEIA MAIS: As 5 músicas dos Beatles feitas por Paul McCartney que John Lennon mais gostava

Mas e quanto às músicas? Paul McCartney fez o que podemos chamar de “linha do tempo musical”, passando por faixas que influenciaram a sua vida do colégio ao fim dos Beatles. Como cresceu no meio do rock, conseguiu resumir isso com facilidade. 

“A primeira é ‘Heartbreak Hotel do Elvis Presley,” escolheu McCartney. “Para mim, meio que leva de volta para quando comecei a comprar discos. Até aquele ponto era tudo Billy Cotton, ‘swing’, ‘bee-bop’ e isso aí. Do nada, rock and roll explode e Elvis era uma das primeiras pessoas que me deixaram interessado. Lembro de estar na escola quando essa música saiu.”

+++ LEIA MAIS: Por que Paul McCartney toca bateria em várias músicas dos Beatles?

McCartney tem outras boas memórias com essa música. Sabendo que é uma das gravações preferidas do ex-Beatle, LindaMcCartney resolveu dar um presente potencialmente especial. Rastreou o baixo usado na gravação original e o entregou para o marido. 

Em uma playlist de rock, não poderia faltar Chuck Berry. A escolhida foi “'Sweet Little Sixteen’, porque essa resume bem ele.” Segue essa “Courtly Dances”, do Benjamin Britten, e então “Be-Bop-A-Lula”, do Gene Vincent - o primeiro disco que McCartney comprou na vida. 

A seguinte é agridoce: “Beautiful Boy(Darling Boy)”, do John Lennon, morto há dois anos naquela época. “Não escolhi nenhuma música do Beatles - se tivesse mais de oito, provavelmente teria. Não escolhi nenhuma das minhas músicas mas escolhi uma de Lennon, de Double Fantasy, porque é uma música linda e comovente, e resume bem ele.”

Veja abaixo a lista completa: 

‘Heartbreak Hotel’ – Elvis Presley

‘Sweet Little Sixteen’ – Chuck Berry 

‘Courtly Dances’ – Benjamin Britten 

‘Be-Bop-A-Lula’ – Gene Vincent 

‘Beautiful Boy (Darling Boy)’ – John Lennon 

‘Searchin” – The Coasters 

‘Tutti Frutti’ – Little Richard 

‘Walking In The Park With Eloise’ – Country Ham 

+++ SESSION ROLLING STONE: RUBEL TOCA MANTRA