As 8 piores atitudes de Jon Snow em Game of Thrones: Mentiras, assassinatos e, claro, abandonar o Ghost

O personagem consegue ser bem impulsivo e só ouve a si mesmo em muitos momentos da narrativa

Redação Publicado em 28/01/2020, às 19h40

None
Kit Harington em Game of Thrones (Foto: reprodução HBO)

Jon Snow é um dos principais personagens de Game of Thrones. A natureza altruísta e o jeito solidário dele o tornaram muito amado pelo público, mas ele teve algumas atitudes terríveis ao longo da série. Mas, quem no seriado da HBO não teve? 

Assim, o ScreenRant listou as 8 piores atitudes de Jon Snow em Game of Thrones:

+++ LEIA MAIS: 7 memes hilários que definem Jon Snow, de Game of Thrones [LISTA]

Foi atrás de Rickon

Antes da Batalha dos Bastardos, ele cometeu um dos piores erros como líder - caiu no jogo de RamsayRickon é levado como refém e como um bom irmão, Jon vai atrás dele e falha como líder, porque, e o resto dos companheiros?

+++LEIA MAIS: Personagens de Game of Thrones são recriadas como princesas da Disney


Não segue ordens

Jon Snow percebe Craster saindo do castelo com um bebê, não consegue resistir e resolve se envolver no negócio - apesar de ser explicitamente instruído a não fazer isso. Mais tarde, descobre que o bebê será deixado na floresta para os Caminhantes Brancos.

Assim, Jon vai atrás e é pego. Embora as intenções fossem boas, o personagem não soube ficar quieto e ouvir, logo agiu com base nos instintos e pensamentos impulsivos.


Se apaixonou por Daenerys

Jon Snow e Daenerys eram um casal poderoso, mas era muito bom para ser verdade. Depois de descobrir que ele era um Targaryen - na verdade, sobrinho da Daenerys - Jon poderia ter pensado melhor e terminar tudo com ela. Mas, não foi bem assim que aconteceu. 

+++ LEIA MAIS: Game of Thrones nunca resolveu a história de Daenerys com os feiticeiros de Qarth; entenda


Sansa

Sansa era avessa e desconfiada. No entanto, quando Jon apresentou SansaDaenerys, ele simplesmente ficou calado, sem se envolver. Se o personagem se importasse verdadeiramente com Daenerys, poderia ter dito algo, mas apenas deixou Sansa passear por ela.

+++ LISTA: Além de Game Of Thrones: 9 filmes e séries no catálogo da Netflix com cenas de sexo explícitas 


Ghost

Jon e Ghost eram inseparáveis ​​desde que se conheceram na primeira temporada, mas se afastaram lentamente. Ghost não apenas salvou Jon inúmeras vezes, mas permaneceu leal e provou ser valioso contra os Caminhantes Brancos. E, mesmo assim, o personagem o abandonou.


Não ouve Sansa

Sansa, conhecendo bem Ramsay, sabia que Jon precisava de mais homens para vencer.  Então, o aconselhou o máximo que pôde, mas o personagem optou por não ouvir e decidiu agir com os homens que tinha - mas foi impulsivo e entrou em uma batalha na qual as chances eram claramente contra ele.

+++ LEIA MAIS: Game of Thrones, Olhos que Condenam e mais: As esnobadas do Globo de Ouro 2020


Mentiu para Daenerys

A herança de Jon foi um choque, deixando-o preso no meio de duas famílias em guerra. Depois de dizer a Daenerys que manteria a linhagem em segredo, o personagem reúne Arya, SansaBran para discutir quem ele realmente é. Se ele é um homem sincero e honesto, não deveria ter tido uma atitude melhor?


Matou Daenerys 

Devastado porque viu Daenerys queimar e destruir Porto Real, Jon Snow percebeu que a amada não poderia governar Westeros e, mesmo depois de ter jurado lealdade à Rainha, ele a apunha-la e tira a vida da Dany - o que fez os fãs da série e do casal chorarem (de raiva).


+++ MELHORES DISCOS BRASILEIROS DE 2019 (PARTE 2), SEGUNDO A ROLLING STONE BRASIL