A Era do Gelo 3, de Carlos Saldanha, é pré-indicado ao Oscar de animação

Vinte filmes disputam uma das cinco vagas - antes eram três - na categoria; eleitos serão divulgados em fevereiro de 2010

Da redação Publicado em 13/11/2009, às 09h05

O setor de animação dá nova prova de sua força: em 2010, serão cinco concorrentes ao Oscar de melhor filme do gênero, em vez de apenas três, como usual. Entre os 20 pré-candidatos está A Era do Gelo 3, do brasileiro Carlos Saldanha.

A expansão se deu porque a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas exigia, no mínimo, 16 filmes elegíveis para fechar em cinco os adversários na categoria. Este ano, finalmente, a safra foi grande o suficiente para ter 20 títulos aptos a conquistar o Oscar de melhor animação, conforme os critérios da Academia.

A categoria principal também aumentará em 2010: serão 10 indicados a melhor filme, e não os cinco habituais.

A Era do Gelo 3 compete com O Fantástico Senhor Raposo, Up - Altas Aventuras, Alvin e os Esquilos 2, Coraline, Tá Chovendo Hambúrguer, Batalha por T.E.R.R.A., 9 - A Salvação,Astro Boy,Monstros vs. Alienígenas,A Town Called Panic, Mary e Max, O Golfinho - História de um Sonhador, Planeta 51, Os Fantasmas de Scrooge, The Secret of Kells, A Princesa e o Sapo, Tinker Bell e o Tesouro Perdido e Ponyo on The Cliff By the Sea.

Os cinco nomeados serão divulgados no dia 2 de fevereiro, para então disputar a estatueta na cerimônia, em 7 de março.

A categoria é nova: foi criada em 2002, ano que consagrou Shrek. Apenas no ano seguinte a Academia conseguiu selecionar candidatos o bastante (foram 17) para cinco indicações (o prêmio foi para o japonês A Viagem de Chihiro).

Teoricamente, os filmes animados também estão aptos a pleitear vaga na categoria de melhor filme. Até agora, no entanto, apenas um filme conseguiu o feito: o desenho A Bela e a Fera, que perdeu em 1992 para O Silêncio dos Inocentes.

Em maio, o setor de animação ganhou peso com a escolha de Up - Altas Aventuras para abrir o Festival de Cannes, honra inédita para um filme do gênero.

Saldanha, o representante brasileiro na disputa, já teve obra indicada ao Oscar outras duas vezes: emplacou, em 2003, A Era do Gelo, e, no ano seguinte, com o curta Gone Nutty.