Acredite se quiser: mais de um milhão de pessoas querem invadir a Área 51 e descobrir a verdade sobre as teorias da conspiração

Um milhão e cem pessoas confirmaram presença em evento que pretende explorar a famosa base militar de Nevada

Redação Publicado em 15/07/2019, às 15h53

None
Uma placa de estacionamento com o desenho de uma espaçonave pendurada em Rachel, Nevada (Foto:Laura Rauch/AP)

Mais de 1 milhão de pessoas confirmaram presença no evento "Storm Area 51, They Can't Stop All of Us", que convida os usuários do Facebook a invadir, em 20 de setembro, o distrito de Nevada que tem sido alvo de grandes teorias da conspiração: a Área 51.

Muitos acreditam fortemente que o local contém informações sobre a vida extraterrestre no planeta Terra, visto que o próposito desta base militar é desconhecido. Alguns chegam a especular que a Área 51 é usada para examinar OVNIs acidentados e funciona como um laboratório para replicar vírus alienígenas.

Na última sexta, 12, a porta-voz da Força Aérea, Laura McAndrews, disse ao The Washington Post: “[A Área 51] é um campo de treinamento aberto para a Força Aérea dos Estados Unidos da América, e nós desencorajamos qualquer um a entrar no local onde treinamos as forças armadas americanas."

Em uma mensagem para a Rolling Stone EUA, um dos criadores do evento identificado como Val, de 20 anos, contou que a ideia surgiu enquanto ele jogava World of Warcraft, que apresenta uma zona chamada Área 52.

"Não posso dizer que esperava por toda essa repercussão", escreveu. O jovem estima que há “milhares de pessoas na página que realmente levaram a brincadeira a sério." 

+++ Di Ferrero escolhe os melhores de todos os tempos: de Metallica a Charlie Brown Jr.