Adão Negro corrige principal erro da Liga da Justiça; entenda

Segundo Screen Rant, principal erro da Liga da Justiça acontece com males em um nível pessoal

Felipe Grutter (com supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 10/08/2021, às 11h04

None
Adão Negro (Foto: Reprodução/DC Comics)

Nos quadrinhos da DC Comics, Adão Negro corrigiu principal erro da Liga da Justiça, segundo informações do Screen Rant. Por anos, o personagem caminhou na linha entre o espectro de herói e vilão. Mesmo quando era um criminoso absoluto, mantinha um forte código de ética pessoal responsável por orientar as ações dele.

Esse forte era a postura contra a escravidão: um mal que a Liga da Justiça nunca erradicou de verdade. Os eventos de Action Comics #1033, por Phillip Kennedy Johnson e Daniel Sampere, deram ao ex-inimigo de Shazam a oportunidade de voltar às raízes antigas como um campeão dos oprimidos.

+++LEIA MAIS: Tudo que sabemos sobre Adão Negro, novo filme da DC com The Rock

Com os escravos fugitivos do Warworld, planetoide móvel, chegando à Terra, Superman e Liga da Justiça têm a oportunidade de libertar o lar. Porém, enquanto outros membros da equipe possuem prioridades diferentes para enfrentar o corpo celeste, o raciocínio do personagem é chocantemente pessoal, como Screen Rant apontou.

Enquanto os heróis discutem mover-se contra Warworld em Action Comics #1033, Rainha Hipólita imediatamente indica apoio ao Superman e argumenta como injustiças como essa - um mundo inteiro de indivíduos escravizados - são a razão pela qual o grupo existe. Adão Negro concorda rapidamente: "Se for um mundo de escravos, sim."

+++LEIA MAIS: Adão Negro vs Superman: confronto irá acontecer nos cinemas?

O personagem pediu a confirmação de que Warworld realmente não é livre, mas tal postura sem hesitação está perfeitamente alinhada com o caráter dele. Embora não seja nenhuma surpresa para Hipólita, rainha de Themyscira, se concentrar imediatamente no fim da escravidão após toda história das Amazonas, alguns fãs podem não ter esperado ver Adão Negro concordar tão prontamente com toda história vilanesca.

Embora a disposição de Adão Negro e Hipólita de assumir essa injustiça seja bastante característica, especialmente por conta das perspectivas mais antigas e militantes, o resto das diferentes prioridades da Liga da Justiça sobre a situação não são tão chocantes. Para Screen Rant, enquanto a equipe pode ser ótima ao enfrentar uma invasão alienígena, deixa muito a desejar ao lidar com os males em um nível pessoal.

+++LEIA MAIS: Por que Adão Negro será diferente dos filmes da DC? Diretor responde

Os indivíduos Warworld podem não se qualificar tecnicamente como "humanos," mas ainda são seres vivos usados ​​como escravos e, embora os outros membros da Liga da Justiça apoiem a mudança para libertá-los,  não agem com os mesmos senso de urgência como Adão Negro, Hipólita ou Superman.

Página de Action Comics #1033


+++ FIUK: 'TENHO ROCK NA VEIA DESDE CRIANÇA' | ENTREVISTA | RS