Adele publica foto e é acusada de apropriação cultural; entenda

A cantora apareceu usando um biquíni com a bandeira da Jamaica e coques trançados de origem africana

Redação Publicado em 31/08/2020, às 15h22

None
Adele (Foto: Instagram / Reprodução)

No último domingo, 30, Adele publicou uma foto no Instagram que repercutiu negativamente nas redes sociais. A cantora de 32 anos apareceu usando um biquíni com a bandeira da Jamaica e Bantu knots (pequenos coques) no cabelo para celebrar o Carnaval de Notting Hill, no Reino Unido. 

+++ LEIA MAIS: Brad Pitt e Adele estão 'se conhecendo melhor', revela site

Após isso, Adele foi acusada de apropriação cultural (o esvaziamento do significado de símbolos de determinada cultura) por utilizar um penteado tradicional entre mulheres negras.

+++ LEIA MAIS: Quando sai o próximo disco da Adele? Empresário revela atraso: ‘De repente, o mundo parou’

Veja a publicação abaixo: 

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Happy what would be Notting Hill Carnival my beloved London 🇬🇧🇯🇲

Uma publicação compartilhada por Adele (@adele) em

 

"A Adele fez apropriação cultural sim. Isso é inegável. Eu, como negro,  acredito que o importante é sempre a pessoa reconhecer a origem e o significado daquilo que se apropria. E não tem necessidade de ficar atacando ela, porque senão nunca iremos evoluir com esse novo modelo de segregação racial, onde tudo fica rotulado e pertencente a isso e aquilo", publicou um internauta (via Revista Quem). 

 

+++ XAMÃ: MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO, DE NIRVANA A TUPAC