Al Jardine divulga petição online para manter turnê de reunião dos Beach Boys

Banda faz os últimos shows com todos os integrantes originais remanescentes nesta semana

Andy Greene Publicado em 24/09/2012, às 18h02 - Atualizado às 18h49

Bruce, Brian, Mike, Al e David atualmente
Divulgação/Guy Webster

Não deve ser surpresa para os fãs que há discórdias entre os integrantes dos Beach Boys com o fim da reunião com todos os integrantes originais remanescentes. A banda fará dois shows em Londres nesta semana, mas poucos dias depois Mike Love seguirá em frente sem Brian Wilson, Al Jardine e David Marks, para cair na estrada com sua própria versão do grupo. “Estou desapontado e não consigo entender por que [Love] não quer estar em turnê com Al, David e eu”, Wilson disse recentemente à CNN. “Estamos nos divertindo tanto. Afinal de contas, somos os verdadeiros Beach Boys.”

Perfil: celebrando 50 anos de existência, os Beach Boys relembram o extenso legado.

Jardine também está descontente, tendo até compartilhado uma petição online de fãs em seu perfil no Facebook. “Para Mike Love”, diz a carta. “Com o intuito de manter os Beach Boys como um conjunto, e não como uma versão econômica com apenas um integrante original, e um integrante que entrou para a banda em 1965, pedimos que você reintegre os outros três integrantes ao grupo para seus últimos anos fazendo shows. É a coisa certa a fazer, e é o que os fãs querem!”

Love e Bruce Johnston têm estado em turnê usando o nome da banda desde o final dos anos 90. Love processou Jardine quando ele se apresentou usando o nome The Beach Boys Family and Friends em 2001, mas no começo deste ano eles deixaram as diferenças de lado para gravar um disco de inéditas e fazer uma turnê mundial. Não estava claro quanto tempo a reunião iria durar, até que datas foram confirmadas datas para os Beach Boys do Mike Love – tornando claro que Love não estava mais interessado em continuar com os outros membros sobreviventes. “A reunião de 50 anos foi planejada para ter o começo e um fim para marcar a importante comemoração para a banda”.

Não importa o que ocorra, deverão ocorrer momentos constrangedores nos camarins do Royal Albert Hall e na Wembley Arena, onde a banda se apresenta esta semana.