Além de Richthofen: 3 casos chocantes de adolescentes assassinos [LISTA]

Com apenas 18 anos, Suzane von Richthofen chocou o Brasil ao comandar o assassinato dos próprios pais

Redação Publicado em 29/09/2021, às 19h55

None
Suzane von Richthofen (Foto: Divulgação)

O caso de Suzane von Richthofen, uma jovem de 18 anos acusada de planejar o assassinato dos próprios pais, chocou o Brasil no início dos anos 2000. O casal Manfred Albert von Richthofen e Marísia von Richthofen foi morto por Daniel e Cristian Cravinhos, a mando da filha Suzane. No entanto, esse não foi o único crime cometido por adolescentes que entrou para a história.

Outros assassinatos violentos e com diversas vítimas também impressionaram não apenas o Brasil, mas também o mundo. Alguns ganharam grande repercussão e se transformaram em documentários e filmes, enquanto outros dominaram os noticiários na época em que aconteceram. Relembre alguns crimes cometidos por menores de idade.

+++ LEIA MAIS: Crimes reais e assassinos em série: 6 livros com histórias chocantes


Champinha e o caso Liana Friedenbach e Felipe Caffé

Roberto Aparecido Alves Cardoso, conhecido como Champinha, tinha apenas 17 anos quando sequestrou o casal Liana Friedenbach e Felipe Caffé com a ajuda de Paulo César da Silva Alves em 2003. Inicialmente, a dupla resolveu assaltar o casal que acampava em Embu-Guaçu, mas ao perceber que eles não tinham dinheiro, resolveu sequestrá-los e pedir resgaste.

Após abusar sexualmente de Liana,Paulo César, também conhecido como Pernambuco, matou Felipe e abandonou o corpo na floresta, enquanto a garota foi levada para outro cativeiro. Alguns dias depois, Liana também foi morta por Champinha, quem desferiu golpes de faca nas costas e no tórax da jovem. No entanto, a garota morreu de traumatismo craniano após ser atingida na cabeça. 

+++ LEIA MAIS:  Além do caso Richthofen: 4 crimes brasileiros que chocaram a sociedade [LISTA]

Pernambuco foi condenado a 110 anos e 18 dias por homicídio qualificado, sequestro, estupro e cárcere privado enquanto Champinha, por ser menor de idade, foi condenado a três anos na Fundação Casa. Atualmente, ele vive em uma Unidade Experimental de Saúde após ser diagnosticado com personalidade antissocial e leve retardo mental.


Massacre de Columbine

Em 20 de abril de 1999, Eric Harris, de 18 anos, e Dylan Klebold, de 17, entraram na escola Columbine High School, nos Estados Unidos, onde mataram 12 alunos e um professor. Outras 24 pessoas também ficaram feridas e, logo após trocarem tiros com policiais, a dupla se suicidou. O caso ficou conhecido como Massacre de Columbine, um dos assassinatos em massa mais famosos dos EUA. 

+++ LEIA MAIS:  Crimes Reais: Netflix anuncia sessão especial para documentários macabros em trailer exuberante; assista


Graham Young

Com apenas 14 anos, Graham Young dominava um grande conhecimento de química e realizava experimentos com venenos. O jovem comprava as substâncias alegando que eram para trabalhos escolares, mas, na verdade, ele envenenou familiares e amigos. Primeiro o pai ficou doente e logo a irmã e a mãe apresentaram os mesmos sintomas e, em 1962, a madrasta de Young não resistiu e faleceu.

Um professor encontrou os venenos e desenhos de homens mortos na mesa do garoto e ligou para a polícia. Young foi enviado para um hospital de segurança máxima onde envenenou parte da equipe e outros pacientes. Aos 23 anos, foi liberado, mas continuou envenenando pessoas e retornou a prisão onde ficou até morrer.

+++ LEIA MAIS: 12 documentários sobre crimes reais para assistir na Netflix: Ted Bundy, Elisa Lam e mais [LISTA]