Alice Cooper precisou sair ‘correndo’ da Alemanha para conseguir voltar para casa em meio à pandemia de coronavírus

Artista precisou cancelar o terceiro show que faria na Europa

Redação Publicado em 31/03/2020, às 20h18

None
Alice Cooper (Foto: Rob Grabowski / Invision / AP)

Em entrevista para o AZ Central, Alice Cooper revelou como precisou sair ‘correndo’ da Alemanha para conseguir voltar para casa em meio à pandemia de coronavírus.

O artista e a banda estavam na Europa por causa do segundo show que fizeram no continente. A apresentação aconteceu no dia 10 de março em Berlim. Por causa do surto do COVID-19, a terceira performance do grupo - que seria em Zurique - foi cancelada.

+++ LEIA MAIS: Juntos em banda, Alice Cooper opina sobre habilidade de Johnny Depp na guitarra

Cooper relembrou como as "fronteiras seriam fechadas" e enfatizou: "Terminamos Berlim, entramos no ônibus, dirigimos para Munique, pegamos um avião e a única coisa que nos pediram quando voltamos aos Estados Unidos foi: 'Você esteve na China ou na Itália?'. Nós respondemos 'Não' e eles disseram: 'Bem-vindos em casa'".

Já no país norte-americano, o artista comentou como está passando a quarentena: "Para mim e [minha esposa] Sheryl, dois meses de folga são ótimos. Estamos em casa, os campos de golfe estão abertos, o que é ótimo para mim. Você está sentado aqui com a Netflix e o Hulu. Não tivemos nenhum problema em obter comida ou algo assim".

+++ LEIA MAIS: Metallica remarca shows que faria em abril no Brasil; veja novas datas

Ele continua: "Sinto-me menos vulnerável em minha casa do que em um hotel diferente todos os dias. Você não sabe quem esteve lá, o que eles tocaram".

Cooper também comentou sobre os companheiros de estrada que trabalham junto com ele: "Existe uma certa responsabilidade, especialmente para os funcionários que você tem há muito tempo e percebe que estão trabalhando de salário em salário. Eles têm famílias. Você precisa cuidar deles".


+++ TRAVIS SCOTT: O HYPE EM TORNO DELE REALMENTE FAZ SENTIDO?