Alt-J vence o Mercury Awards 2012

Eleição do melhor álbum do Reino Unido premia An Awsome Wave

Redação Publicado em 02/11/2012, às 13h09 - Atualizado às 14h59

Alt-J
AP

Atual quedridinha da crítica, a banda Alt-J levou o prêmio do Mercury Awards, um dos mais importantes prêmios da música britânica, na noite desta quinta-feira, 1. O disco An Awsome Wave, lançado em maio deste ano, foi o escolhido como o melhor de 2012.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

O quarteto de Leeds, costumeiramente chamado de “Novo Radiohead” por jornalistas britânicos, venceu o prêmio logo no seu álbum de estreia – um troféu, por sinal, que a turma de Thom Yorke nunca levantou.

O Alt-J disputou neste ano com Ben Howard (Every Kingdom), Django Django (Django Django), Field Music (Plumb), Jessie Ware (Devotion), Lianne La Havas (Is Your Love Big Enough?), Michael Kiwanuka (Home Again), Plan B (Ill Manors), Richard Hawley (Standing at the Sky's Edge), Roller Trio (Roller Trio), Sam Lee (Ground of its Own) e The Maccabees (Given to the Wild).

Os últimos, aliás, protagonizaram uma cena no mínimo curiosa ao perder o troféu recebido pela indicação. No Twitter oficial da banda, eles fizeram o anúncio e pediram para serem avisados caso alguém encontre o prêmio.

No ano passado, a vencedora foi PJ Harvey com seu disco Let England Shake , tornando-se a primeira a levar o prêmio duas vezes (ela também ganhou por Stories from the City, Stories from the Sea em 2001).

Ainda mostrando dificuldade em acreditar na vitória, o Alt-J concedeu uma entrevista coletiva, exibida pelo site do semanário inglês NME. Questionados sobre quais serão os planos, os garotos disseram que vão continuar a turnê. “Voltamos amanhã [sexta, 2], depois temos uma pausa de fim de ano. Não sabíamos, mas a indústria tem um mês de férias. Quando voltarmos, talvez comecemos trabalhar em novas músicas.”