Amber Heard teria deixado cocô na cama de Johnny Depp depois de tê-lo agredido por perder festa

Após o vazamento de áudio com a confissão de agressão da atriz, o ator denunciou novamente o comportamento violento da ex-esposa

Redação Publicado em 19/02/2020, às 08h14

None
Amber Heard (Foto: Evan Agostini / Invision / AP)

Johnny Depp apresentou outra prova contra Amber Heard na Justiça. Desta vez, o ator fez uma declaração oficial na corte do condado de Fairfax, na Virgínia, para denunciar o comportamento agressivo e indecoroso da ex-esposa.

Segundo os documentos, a atriz ficou irritada com o atraso de Depp para festa de aniversário dela. Mesmo após o ator explicar que não conseguiu chegar na hora por causa de um encontro importante, Amber agrediu o companheiro diversas vezes. 

"Entre outros atos violentos, a senhorita Heard me socou repetidamente no rosto enquanto eu estava deitado na cama de leitura depois da festa, me deixando um inchaço com formato de ovo debaixo do meu olho esquerdo."

+++ LEIA MAIS:  Amber Heard é atacada no Instagram, deleta comentários e é atacada novo por isso

Na manhã seguinte, Amber ou alguma amiga da atriz teria defecado na cama do protagonista de Animais Fantásticos antes de ir para o festival Coachella. Além disso, Depp afirma que o administrador imobiliário Kevin Murphy confirmou a confissão de Amber sobre a "pegadinha inofensiva" .

Um mês mais tarde, Depp foi até a residência do casal para recolher as coisas dele e informar a parceira que preencheria um pedido de divórcio. A declaração afirma que Amber ficou "furiosa e começou a gritar", além de ligar para o amigo iO Tillett Wright e pedir para fingir que o incidente do cocô nunca existiu.

Em seguida, Depp pegou o telefone e disse: "Eu não ligo. Está acabado". Segundo os documentos, no momento em que o ator se virou para cruzar o cômodo, Amber gritou: "Johnny pare de me bater".

+++ LEIA MAIS:  Depois de áudio sobre agressão em Johnny Depp, petição para saída de Amber Heard de Aquaman 2 chega a 150 mil assinaturas

Pouco tempo depois, as amigas da atriz, que estavam escondidas pela casa, apareceram e disseram: "Não faça isso, pare com isso, deixe ela sozinha". O ator declarou: "Eu estava chocado e imediatamente neguei essa alegação absurda, porque eu não joguei meu telefone nela, não bati nela, não toquei nela nem estava fisicamente perto dela. A senhorita Heard não sabia que meus dois seguranças estavam do lado de fora da cobertura".

Recentemente, foi divulgado um áudio de Amber em que a atriz admite ter agredido o ex-marido e diz que ninguém acreditará nas declarações de Depp, segundo o site We Got This Covered.


+++ SESSION ROLLING STONE: RUBEL TOCA MANTRA