Angelina Jolie conta que se sentiu "quebrada" antes de filmar Malévola: Dona do Mal

A atriz falou também do processo de voltar à pele da vilã da Disney, e como nenhum dos filhos se interessa pela carreira no cinema

Redação Publicado em 18/10/2019, às 11h49

None
Angelina Jolie em Malévola: Dona do Mal (Foto: Reprodução)

Angelina Jolie passou por um "período difícil" antes de voltar às telas de cinema com Malévola: Dona do Mal, que estreou nesta quinta, 17, nos cinemas brasileiros. Em entrevista à revista People, a atriz contou sobre o período após as filmagens do primeiro longa da franquia da Disney, lançado em 2014.

"[Naquela época] Eu havia passado por alguns anos difíceis e não estava me sentindo muito forte. Na verdade, eu me sentia quebrada. Precisei de um tempo para sentir a força da Malévola novamente", contou.

+++ Leia Mais: Angelina Jolie sobre Malévola 2: "Agora ela está cheia de asas, cheia de chifres e totalmente louca"

A atriz ainda falou sobre os seis filhos, que tem junto com Brad Pitt, e contou que nenhum deles querem seguir a carreira dos pais. Ela revelou que a filha Vivienne, que interpretou a versão criança da princesa Aurora, não queria ter participado do filme.

"Eu tentei. Viv ainda não acredita que eu fiz dela uma princesa. Nenhuma das minhas crianças querem ser atores. [Eles querem] negócios, assuntos humanitários, coisas desse tipo. Ninguém tem interesse", disse Angelina.

+++ Leia Mais: Angelina Jolie revela paixão adolescente por co-estrela de Malévola 2, Michelle Pfeiffer

Em Malévola: Dona do Mal, a protagonista assume o lado sombrio quando vê o reino dos Moors ameaçado novamente pelos humanos. Ela enfrenta a rainha Ingrith, interpretada por Michelle Pfeiffer, e passa a ficar do lado oposto da afilhada Aurora, interpretada por Elle Fanning.

Malévola: Dona do Mal já está em exibição nos cinemas brasileiros.