Após reclamar de falta de apoio, Morrissey é demitido de gravadora

Cantor disse que a indústria do pop e rock "pode ser tão dedicada a perpetuar a decepção pública quanto o mundo da política"

Rolling Stone EUA Publicado em 11/08/2014, às 18h19 - Atualizado às 19h53

Morrissey
Chris Pizzello/AP

Morrissey está novamente sem o amparo de uma gravadora. De acordo com o True To You, a Capitol Music e a Harvest Records cortaram relações com o cantor, “como ordenado pelo chefe da companhia Steve Barnett”.

Galeria: os 15 insultos mais polêmicos de Morrissey.

As novidades aconteceram apenas três semanas depois de que a Harvest lançou World Peace is None of Your Business, o décimo álbum solo de Morrissey – o primeiro desde Years of Refusal, de 2009. O ex-frontman do Smiths tinha assinado um contrato de dois discos com a Harvest Records e a Capitol Music em janeiro, após uma longa peleja para encontrar uma gravadora. (De acordo com o Pitchfork, Morrissey continua escalado como artista da Harvest no site oficial da companhia).

Veja 14 passagens reveladoras da autobiografia de Morrissey.

O relacionamento de Morrissey com a gravadora já aparentava ser problemático no começo da semana passada, quando ele postou um extenso comunicado na zine sobre ela, a True To You. Enquanto o texto começava com agradecimentos a três pessoas que fizeram e compartilharam vídeos próprios para o single do novo álbum, ele logo avança para críticas à gravadora.

“Esses vídeos contemplam o sentimento da canção, e estou aliviado com o fato de que eles existem”, ele escreveu. “Sim, algo similar deveria ser feito pela gravadora, mas, por favor, entendam que a indústria do pop e rock pode ser tão dedicada a perpetuar a decepção pública quanto o mundo da política. Deus abençoe as mídias sociais!”

Dez músicas da carreira solo de Morrissey que você precisa ouvir.

No mesmo texto, ele reclama de não ter recebido “nenhum convite para a televisão – no mundo inteiro! – seja para apresentar canções de World Peace is None of Your Business ou qualquer outra música de qualquer outro disco”. Ouça abaixo a faixa título do novo disco de Morrissey: