Arctic Monkeys pode renovar contrato com a Domino Records

Cobiçada por grandes gravadoras, banda britânica encerrou seu vínculo com o selo após lançar o disco Suck It and See

Redação Publicado em 27/11/2011, às 10h51

Arctic Monkeys
AP

Tendo encerrado seu vínculo com a Domino Records após o lançamento do disco Suck It and See, neste ano, o Arctic Monkeys pode renovar o contrato com gravadora, mesmo após ser cobiçada por grandes nomes da indústria musical. As informações são do semanário britânico NME.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

"É verdade que o mais recente disco do Arctic Monkeys é o último em vigor com o contrato da Domino", disse o empresário da banda, Ian McAndrew. "Não entramos em negociações com nenhuma outra gravadora, apesar de temos muitas ofertas. A Domino tem sido ótima para a banda e nos forneceu um apoio fantástico."

O Arctic Monkeys assinou contrato com a Domino Records em 2005. O primeiro disco da banda, Whatever People Say I Am, That's What I'm Not (2006), bateu recorde de vendas e se tornou o discode estreia que vendeu mais rápido na história do Reino Unido, superando Definitely Maybe (1994), do Oasis. Os outros álbuns lançados pela banda foram Favourite Worst Nightmare (2007) e Humbug (2009), além do já citado Suck it and See.

O Arctic Monkeys é um dos headliners do Lollapalooza Brasil, que acontece nos dias 7 e 8 de abril, em São Paulo. Além da banda, apresentam-se também Foo Fighters, Cage the Elephant, TV on the Radio e Skrillex, entre outros. Os ingressos para pré-venda estão esgotados.