Artistas escrevem mensagens acusando Homeland de racismo em cenários da série

Grafiteiros foram contratados para personalizar o que deveria representar um campo de refugiados sírios

Redação Publicado em 16/10/2015, às 13h12 - Atualizado às 13h27

Trecho da série Homeland.

Ver Galeria
(2 imagens)

Contratados para deixar mais verossímil um cenário da quinta temporada de Homeland, três grafiteiros decidiram fazer um protesto contra a própria série de sucesso da televisão norte-americana.

Além da ficção: astros de filmes e séries que mataram pessoas na vida real.

Heba Amin, Caram Kapp e Stone receberam a missão de escrever mensagens em árabe nas paredes do que deveria ser um campo de refugiados sírios. Em um comunicado à imprensa, o trio revelou o que alguns veículos de imprensa já haviam descoberto: "Homeland é racista", "Vidas negras importam" e "Homeland não existe" são as frases que se lê em um dos episódios da trama.

"Dada a reputação da série, não fomos facilmente convencidos [de fazer o trabalho], até considerarmos o que um momento de intervenção poderia transmitir sobre o descontentamento político de nós mesmos e de muitos outros com a série. Era o momento de mostrar nosso ponto subvertendo a mensagem usada pelo próprio show", diz o documento.

"O conteúdo do que estava escrito nas paredes não importava. Aos olhos deles, a escrita árabe é meramente um acréscimo visual que completa a fantasia de horror do Oriente Médio, uma imagem que desumaniza uma região inteira a figuras menos humanas em burcas negras e além disso, nessa temporada, a refugiados."

A quinta temporada de Homeland estreou em 4 de outubro nos Estados Unidos. O enredo retorna dois anos após a mudança de Carrie Mathison (Claire Danes) para Berlim, onde ela se exilou após o desastroso período em Islamabad, no Paquistão.

Veja 10 personagens coadjuvantes que mereciam a sua própria série.

Fora da CIA, a ex-agente começa a trabalhar em uma instituição filantrópica na Alemanha até descobrir um esquema de espionagem dos Estados Unidos gerenciado no país europeu. A temporada está sendo produzida em Berlim, fazendo de Homeland a primeira série norte-americana filmada inteiramente na Alemanha.

Retrospectiva 2014: as melhores séries que estrearam na TV norte-americana.

Além de Claire, o elenco conta com Mandy Patinkin, F. Murray Abraham, Sebastian Koch, Miranda Otto, Alexander Fehling e Sarah Sokolovic. Vale lembrar que Homeland está concorrendo ao Emmy nas categorias de Melhor Atriz em uma Série Dramática (Claire Danes), Melhor Série Dramática e Melhor Ator Convidado em uma Série Dramática (F. Murray Abraham).

Assista ao trailer: