Pulse

50 anos de Dave Grohl: as 11 melhores aparições do músico [LISTA]

Além do Foo Fighters e do Nirvana, Grohl já tocou com David Bowie, Paul McCartney, Tom Petty e até mesmo com os Muppets

Rolling Stone EUA Publicado em 14/01/2019, às 14h39

None
Dave Grohl (Foto: AP)

Desde o início dos anos 1990, Dave Grohl já tocou em bandas como Nirvana e Foo Fighters, dirigiu um documentário sobre o famoso Sound City Studios, de Los Angeles, criou uma série de TV para a HBO e até abalou a Acrópole, na Grécia.

Mas isso, evidentemente, não foi suficiente para o multi-instrumentista, que também estrelou com dezenas de artistas.

Grohl tocou bateria para Tom Petty, ajudou Puff Daddy a remixar seu maior sucesso, interpretou o diabo para Tenacious D e competiu contra o Animal, dos Muppets.

Não conseguimos escolher apenas uma e, por isso, aqui estão as 11 melhores aparições de Dave Grohl.


1 - Paul McCartney, “Cut Me Some Slack” (2012)

Quando Grohl fez a trilha sonora do filme Sound City (2013), ele se juntou a dezenas de músicos convidados, de Trent Reznor, de Nine Inch Nails, a Stevie Nicks. O artista mais famoso com quem trabalhou foi Paul McCartney, que escreveu e gravou a pesada “Cut Me Some Slack” com os membros sobreviventes do Nirvana.

 


2- Tom Petty and the Heartbreakers no Saturday Night Live (1994)

Tom Petty and the Heartbreakers estavam sem baterista quando recrutaram Dave Grohl para o Saturday Night Live em 1994. A banda tocou “Honeybee” e “You Don't Know How It Feels”.
 
Petty gostou tanto de tocar com Grohl que teria oferecido ao baterista para ser integrante oficial da banda. Grohl recusou a oferta para iniciar o Foo Fighters, mas ele continua sendo um fã até hoje. "Não consigo pensar em nenhuma banda que soe como Tom Petty and the Heartbreakers", disse Grohl ao documentarista Peter Bogdanovich


3 - Rolling Stones, “Bitch” (2013)

Os Rolling Stones receberam vários convidados no palco com eles em sua turnê 50 & Counting, em 2013, e quando eles pararam em Anaheim, Califórnia, em maio, foi a vez de Dave Grohl.

Com um violão e seu próprio pedestal de microfone, Grohl trocou versos com o Sticky Fingers, que tocou “Bitch” com Mick Jagger. Ele até tocou seu próprio solo de guitarra barulhento enquanto Keith Richards olhava com aprovação. 


4 -Puff Daddy, “It’s All About the Benjamins (Shot-Caller Rock Remix)” (1997)

Quando Puff Daddy entrou em contato com Dave Grohl para remixar seu hit de 1997, "It's All About the Benjamins", Grohl ficou intrigado, embora um pouco confuso.

"Provavelmente foi minha música favorita", disse Grohl em 1999, "mas nunca fiz um remix e não sabia o que era". A música "Shot-Caller Rock Remix" também contou com nova instrumentação de Tommy Stinson e Rob Zombie e um clipe de Spike Jonze. "Foi uma coisa realmente louca", disse Grohl. "Eu nunca fiz nada parecido."


5 - Tenacious D, "Tenacious D" (2001)

Dave Grohl estava envolvido com o Tenacious D desde que Jack Black e Kyle Gass fundaram o grupo de rock cómico no final dos anos noventa. Além de tocar em todos os três álbuns de estúdio da banda, Grohl contribuiu com os vocais e até atuou como o diabo no clipe de "Tribute".
 
"É tão difícil tocar bateria quando você está rindo histericamente”, disse Grohl.


 6 - Queens of the Stone Age, Songs for the Deaf (2002)  

 Em 2002, Grohl se juntou ao Queens of the Stone Age no estúdio para o Songs for the Deaf. Dez anos depois, Grohl retornou ao estúdio com a banda mais uma vez para tocar bateria em várias músicas do disco …Like Clockwork, de 2013.                  


7 - David Bowie, “I’ve Been Waiting for You” (2002)    

Durante a gravação de seu disco de 2002, Heathen, David Bowie convocou Grohl para tocar guitarra em na cover de "I've Been Waiting For You", do Neil Young. Bowie, que gravou a maior parte do álbum no estado de Nova York com o produtor Tony Visconti, enviou a música para Grohl, que adicionou sua parte de guitarra separadamente.

 Dave Grohl, um fã declarado de Bowie, afirma que Let's Dance é o "melhor álbum de air-drumming de todos os tempos".


8 - Nine Inch Nails, With Teeth (2005)

Depois de gravar as demos que se transformariam em 2005, no With Teeth, Trent Reznor passou longe das músicas mais ásperas para ver se Grohl estaria interessado em contribuir com percussão.

Depois de ouvir, ele disse sim. "[Reznor] disse: 'Quando você pode começar'", Grohl contou. "Eu disse: 'Vamos fazer isso amanhã!'."


9 - Cage the Elephant em Salt Lake City (2011)

Durante a abertura da turnê de 2011 para o Foo Fighters, o Cage the Elephant precisou de ajuda quando o baterista Jared Champion rompeu o apêndice. Assim, entrou Grohl.

"Recebi um telefonema e era Dave Grohl, e ele disse: 'Então, ouvi que vocês precisam de um baterista'", disse o vocalista Matthew Schultz à Rolling Stone EUA. Grohl então surpreendeu a platéia quando ele se juntou à banda durante o show de abertura em Salt Lake City para tocar músicas como "In One Ear" e "Shake Me Down".

"Foi realmente, agridoce", continuou Schultz. "Porque ao mesmo tempo nós estávamos preocupados que Jared fosse morrer. Por outro lado, nós ficamos tipo, 'Oh meu Deus, nós estamos brincando com Dave Grohl!'"


10 - Os Muppets (2015)

Grohl, que muitas vezes chicoteia seu cabelo como um Muppet quando está tocando bateria, juntou-se ao desajeitado Animal para um um solo de bateria em 2015. 


11 - Guns N’ Roses, “Paradise City” (2017)

Em 2016, Axl Rose pegou emprestado o trono personalizado de Grohl - que ele construiu depois que ele quebrou a perna no palco- para uma série de shows depois que o cantor do Guns N’ Roses machucou o pé. A banda recebeu Grohl no palco em Tulsa, Oklahoma, na turnê Not in This Lifetime no ano seguinte, para uma versão de “Paradise City”, com Grohl cantando e tocando guitarra.

Quando ele entrou no palco, tentou se juntar ao baixista Duff McKagan em seu microfone, mas o baixista mostrou a ele que ele tinha seu próprio stand. Uma vez em posição, ele cantou junto até o final, quando deu um grande abraço em Axl Rose.