Astros de Matrix podem se juntar a Keanu Reeves em John Wick 4? Diretor responde

Chad Stahelski falou sobre o próximo filme da franquia

Redação Publicado em 10/09/2019, às 19h54

None
Keanu Reeves em John Wick 3: Parabellum (Foto: Divulgação)

O diretor Chad Stahelski de John Wick 2John Wick 3: Parabellum em entrevista ao ComicBookMovie não revelou se estará à frente de John Wick: Capítulo 4, que tem data de estreia marcada para 2021. No entanto, garantiu estar envolvido "de alguma forma" no próximo filme da franquia.

Durante a conversa, o cineasta foi questionado sobre a possibilidade de Keanu Reeves atuar com outros atores de Matrix em John Wick. Isso porque, no terceiro capítulo da saga, Parabellum, Laurence Fishburne participa. Logo, apenas Carrie-Anne Moss está em falta para completar o trio principal de Matrix.

+++LEIA MAIS: John Wick 3 supera Vingadores: Ultimato nas bilheterias

"Keanu e eu conversamos muito sobre onde ir. Temos um grande plano para o 4 [John Wick]. É algo que pensamos constantemente para não forçar as coisas. Eu certamente não quero incluir alguém para um papel com uma história de fundo de outro trabalho.", afirma Chad Stahelski.

O diretor continua: "Se criarmos esses personagens ótimos e na minha cabeça fizer sentido ter Carrie-Anne Moss ou até Hugo Weaving, ou outro ator de Matrix, isso funcionar e for interessante, é sempre um adicional porque eles são amigos e acho que são ótimos atores. Então, isso tem que ser visto".

+++Leia nossa análise de John Wick 3: Parabellum

John Wick 3: Parabellum, o terceiro capítulo da saga estrelada por Keanu Reeves, superou as expectativas e somou US$ 57 milhões no fim de semana de estreia, isso referente a 3.850 cinemas norte-americanos.

Parabellum, lançado em 15 de maio de 2019, estreou com números muito mais elevados que seus antecessores: a primeira instalação, John Wick (2014), bateu US$ 14,4 milhões e o segundo, John Wick: Um Novo Dia Para Matar (2017), chegou a US$ 30,4 milhões. O longa mais recente da franquia também é o primeiro da até então trilogia a conquistar a posição mais alta da lista de desempenho em bilheteria.