Atriz de Friends não foi chamada para voltar à série após fazer piada sobre falta de diversidade

Jawn Murray, comentarista e amigo de Sherri Shepherd, falou sobre a situação em entrevista

Redação Publicado em 25/06/2020, às 15h37

None
Sherri Shepherd em Friends (Foto: Reprodução)

A atriz Sherri Shepherd participou de Friends como a guia de museu Rhonda no episódio  “The One With Phoebe’s Uterus” - e de acordo com declaração recente de um amigo, ela não foi mais convidada ao programa após fazer piada sobre a falta de diversidade. As informações são da NME

+++LEIA MAIS: Criadora de Friends se arrepende da falta de diversidade na série: ‘Queria saber naquela época o que sei hoje’

Segundo Jawn Murray, comentarista e amigo de Shepherd, a comediante, conhecida pelo trabalho em 30 Rock e How I Met Your Mother, nunca mais foi chamada para atuar em Friends após comentário. Ele contou à ABC News sobre a situação:

Sherri era um dos poucos rostos negros de Friends. Ela, Aisha Tyler e Gabrielle Union. E Sherri estava em Friends em um momento no qual você enviava cartões postais para informar às pessoas: "Ei, eu vou estar na TV", disse Murray.

O comentarista e personalidade da TV lembrou do cartão que recebeu de Shepherd na época, escrito “Friends ficará com um pouco mais de cor". No entanto, ele não foi o único a receber o cartão.

+++LEIA MAIS: Os estereótipos nos filmes de Hollywood e por que eles distorcem a visão real do mundo [ANÁLISE]

“Bem, [Shepherd] também enviou esse cartão postal para a [co-criadora de Friends] Marta Kauffman, e ela recebeu o cartão postal e [Shepherd] nunca foi convidada a voltar ao programa", explicou Murray.

No Twitter, a comediante falou sobre a declaração de Murray: "Disse ao Jawn Murray que ele poderia compartilhar minha história de Friends no ABCNewsLive e agora está sendo divulgada em todos os lugares!"

+++LEIA MAIS: Friends: ‘É incrivelmente retrógrada’, diz atriz da série

Há anos, Friends é criticado pela falta de diversidade. No início de junho, a co-criadora do programa, Marta Kauffman pediu desculpas por isso: “Queria saber naquela época que sei hoje. Teria feito muitas coisas diferente”. 


+++ A PLAYLIST DO SCALENE