Atriz de Dr. House será a filha lésbica de Charlie em Two and a Half Men

Amber Tamblyn foi escolhida pela CBS para interpretar uma filha ilegítima do personagem que era de Charlie Sheen

Redação Publicado em 08/08/2013, às 09h53 - Atualizado às 11h39

Amber Tamblyn
Evan Agostini/AP

Anunciada anteriormente como lésbica, "linda e sexy”, a filha ilegítima de Charlie (Charlie Sheen) ganhou um rosto com a revelação de que Amber Tamblyn se juntará ao elenco de Two and a Half Men na 11ª temporada.

Ainda louco: uma semana intensa com Charlie Sheen, o último selvagem de Hollywood.

Estrela de filmes como Quatro Amigas e um Jeans Viajante e, mais recentemente, do seriado Dr. House, Amber foi selecionada pela CBS, segundo informou o The Hollywood Reporter.

A atriz será uma filha ilegítima de Charlie que se muda para Los Angeles para buscar a carreira de atriz e tentar reaproximar da família do pai. As piadas serão geradas em cima dos gostos da moça, os mesmos de Charlie.

A garota, Jenny, acabará indo morar na mansão que pertenceu a seu pai junto ao novo proprietário Walden (Ashton Kutcher) e seu tio Alan (Jon Cryer). Ela irá aparecer em cinco episódios da 11ª temporada, marcada para ir ao ar, nos Estados Unidos, em 26 de setembro, mas existe a opção de que ela se torne fixa no seriado.

A nova adição serve para atenuar a ausência de Angus T. Jones (Jake), que depois de falar mal publicamente da série, anunciou que faria apenas algumas participações na décima primeira temporada do programa de sucesso da CBS. Oficialmente, a explicação é de que Jones quer focar na faculdade.

Para acompanhar as mudanças de elenco, de acordo com o site TV Line, os créditos iniciais do programa, aqueles com o elenco dublando uma música, não contarão mais com Angus.