Cozinheira das Bahamas que perdeu US$ 123 mil com o festival Fyre faz sucesso em campanha online

O rapper Ja Rule, cofundador do evento, publicou um pedido de desculpas a todos que foram enganados

Rolling Stone EUA Publicado em 22/01/2019, às 16h45

None
Maryann Rolle (Foto: Reprodução/ Netflix)

Maryann Rolle, uma cozinheira das Bahamas que perdeu todas suas economias após o desastroso festival Fyre conseguiu ser financeiramente compensada. 

Além disso, ela agradeceu ao esforço de arrecadação de fundos que aconteceu devido a sua aparição no documentário da NetflixFyre Festival – Fiasco no Caribe.

Maryann contou à produção do filme que ela gastou US$ 50 mil das suas economias para pagar a seus colegas bahamenses e funcionários depois que Billy McFarland e a diretoria do Fyre abandonaram a ilha sem pagar o que deviam.

"Foi uma experiência inesquecível para os organizadores do festival Fyre", escreveu Maryann em sua página verificada no GoFundMe.
 
“Em abril de 2017, eu cheguei ao meu limite, fazendo nada menos que 1000 refeições por dia. Café da manhã, almoço e jantar foram todos preparados e entregues pelo Exuma Point para Coco Plum Beach e Roker's Point, onde os principais eventos estavam programados para acontecer.”
 
“Os organizadores também visitavam meu restaurante para aproveitar as refeições preparadas”, relatou.

“Os organizadores do festival também foram verificar todos os quartos do Exuma Point Resort. É difícil acreditar e me dá vergonha de admitir que não recebi o pagamento ... Fui deixada em um grande buraco! Minha vida mudou para sempre e meu crédito foi arruinado pelo Fyre. ”
 
O GoFundMe(site para arrecadar dinheiro) de Maryann, lançado quatro dias antes da estreia de Fyre Festival – Fiasco no Caribe, na Netflix, estabeleceu a meta de US$ 123 mil.

Três dias após o lançamento, a arrecadação online já superou sua meta com mais de US$ 165 mil no momento desta publicação.

"Obrigado a todos", publicou Maryann após ultrapassar a meta estabelecida.

O rapper Ja Rule, cofundador do Fyre que criticou o documentário sobre o festival, pediu desculpas a Maryann Rolle no Instagram.
 
“Meu coração está com essa adorável senhora... Maryanne Rolle, nunca nos conhecemos, mas estou arrasado que algo que foi feito para ser incrível, acabou sendo um desastre e tenha machucado tantas pessoas... Peço desculpas a quem foi afetado negativamente pelo festival”, escreveu.