Baixista do Maroon 5 é preso acusado de violência doméstica

Identidade da vítima de Mickey Madden não foi revelada

Redação Publicado em 01/07/2020, às 08h47

None
Mickey Madden no palco do iHeartRadio com Maroon 5 em 2014 (Foto: Kevin Winter/Getty Images for Clear Channel)

Mickey Madden, baixista do Maroon 5, foi preso no último sábado, 27, acusado de violência doméstica contra companheira. A prisão foi divulgada pelo site Page Six e, de acordo com a publicação, o músico foi liberado mediante pagamento de fiança de US$ 50 mil. 

A identidade da vítima não foi revelada pelo Departamento de Polícia de Los Angeles e o músico não é casado. No código penal norte-americano, Madden enfrenta acusações no artigo de “crimes contra a pessoa que envolvem assédio sexual”, sob o artigo 273.5 (a), para casos nos quais o agressor “inflige ferimento corporal resultante em condição traumática na vítima”. A legislação prevê até quatro anos de prisão para esse tipo de crime, além de multa. 

+++ LEIA MAIS: Duas ex de Johnny Depp, Winona Ryder e Vanessa Paradis, depõem em processo contra jornal

Representantes da banda enviaram nota ao Page Six. “Estamos profundamente devastados por esta notícia. Conforme obtemos maiores informações, encaramos o caso com muita seriedade. Por enquanto,vamos ceder espaço a todos os indivíduos envolvidos para resolver a situação”, escreveram. 

Maroon 5 ainda não se pronunciou publicamente sobre as acusações contra Madden. 


+++ RAEL | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO