Baixista salta na plateia para impedir fã de bater em mulheres

Ken Casey do Dropkick Murphys chegou a ser atingido por uma lata de cerveja e sofrer um corte

Redação Publicado em 18/03/2019, às 14h43

None
Ken Casey, baixista do Dropkick Murphys (Foto: Reprodução / Instagram)

Ken Casey, baixista do Dropkick Murphys, interrompeu o show da banda nesta sexta, 15, para impedir um fã que estava na plateia de bater nas mulheres.

Enquanto se apresentava, o músico percebeu um homem empurrando, dando cotoveladas e batendo em diversas mulheres. Após notar que os seguranças não conseguiam chegar ao agressor, Casey fugiu dos seguranças que tentavam impedi-lo de sair do palco e pulou na multidão.

Como mostra um vídeo do TMZ, ele começou a gritar com o homem na plateia e tentou chegar até ele, mas foi atingido por uma lata de cerveja e começou a sangrar por conta de um corte na cabeça, o que não o impediu de tentar chegar ao fã.

O músico conseguiu tirar o causador do tumulto do meio das outras pessoas, e os seguranças o retiraram do show por cima da grade e o levaram para fora sob aplausos e comemorações da plateia.

Após o episódio, o vocalista AlBarr fez um discurso. “Nós [interrompemos shows] há vários anos, e estando tocando há 21 anos, então podemos afirmar que isso não é novidade. Quando nós convidamos vocês para um dos nossos shows, é como se convidássemos vocês para nossa casa. E se alguém desrespeita vocês, é como se fizessem isso na nossa casa.", declarou para os fãs.

Não é raro rolar tumulto como Dropkick Murphys. Em outras ocasiões, a banda já interrompeu apresentações para brigar com neonazis e racistas que estavam na plateia. Em 2013, um skinhead chegou até mesmo a invadir o palco para atacar os membros.

Veja o vídeo da briga de sexta:

Algoritmo da Vida: novo projeto da Rolling Stone Brasil busca sintomas de depressão mas redes sociais para prevenção do suicídio: