Bandas brasileiras Krisiun e Nervochaos são detidas e têm shows cancelados em Bangladesh

Grupos passaram cerca de dez horas no aeroporto; outros artistas de heavy metal já tiveram problemas em países de maioria muçulmana

Redação Publicado em 09/05/2017, às 18h14 - Atualizado às 18h40

Alex Camargo (vocal/baixo), Moyses Kolesne (guitarra) e Max Kolesne (bateria), do Krisiun
Pri Secco/Divulgaçã

Duas bandas brasileiras de heavy metal foram detidas no Aeroporto Internacional Hazrat Shahjala, em Daca, Bangladesh, nesta terça, 9. Os integrantes passaram cerca de dez horas no local sem os passaportes e as apresentações – com ingressos esgotados – no país foram canceladas pelo governo.

A assessoria de imprensa do Krisiun não revelou o motivo da detenção, mas afirmou que Bangladesh “é um país de maioria muçulmana e outras bandas de rock e heavy metal já passaram por este tipo de situação”. Os grupos já foram liberados e estão em um hotel, depois de recuperarem os passaportes.

Em entrevista ao Noisey brasileiro, o guitarrista do Krisiun, Moyses Kolesne, afirmou:"Fomos abordados quando já estávamos pegando as malas. Eles não falavam nem em inglês e apenas deram a entender que deveríamos acompanhá-los". Segundo ele, os oficiais "começaram a pesquisar sobre a banda", antes de deixá-los impedidos de sair do local.

"Não rolou violência física contra nós da parte dos oficiais, mas ficamos sabendo, por meio do Consulado Brasileiro de lá, que se o cônsul, sua equipe, o embaixador Maximiliano Arienzo, e a nossa agente de viagens, a Carla, não agissem depressa para interceder, não teria dado tempo de evitar a nossa prisão, pois a ordem era essa", acrescentou o guitarrista ao Noisey.

O Krisiun, formado por Alex Camargo (vocal/baixo), Moyses Kolesne (guitarra) e Max Kolesne (bateria), apresentou-se no Hammersonic Festival, em Jakarta, na Indonésia, no último dia 7, e tem shows agendados na Mongólia, China, Japão e Coréia do Sul. O Nervochaos está abrindo as apresentações da banda durante a turnê asiática.

O mais recente álbum do Krisiun é Forged In Fury, lançado em 2015, o qual serve de base para a atual excursão do grupo.