Banksy não poderá ir disfarçado ao Oscar

Academia nega pedido do artista, que concorre ao prêmio de melhor documentário pelo filme Exit Through the Giftshop

Rafael Jardim, do MyCool/Especial para BR Press, com redação BR Press Publicado em 21/02/2011, às 17h20

(BR Press) - O grafiteiro e artista gráfico Banksy, cuja identidade é um mistério, não poderá ir à cerimônia do Oscar, no próximo domingo, 27, disfarçado, como gostaria. Seu filme Exit Through the Giftshop (Reino Unido, 2010) foi indicado a melhor documentário. Banksy então, famoso por evitar a "celebridade" mantendo-se incógnito, teve o pedido negado pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood, onde, aliás, o grafiteiro anda aprontando poucas e boas, sempre destilando ironia.

Solto pelas ruas de Los Angeles, o britânico - bem, pelo menos seu trabalho surgiu na cidade de Bristol, Inglaterra, mas nada se sabe sobre quem de fato ele seja - está dando o que falar e fazer. A CBS já tirou o outdoor em que Bansky desenhou um Mickey bêbado e uma Minnie Mouse fumando. No entanto, a rede de televisão anunciou, ironicamente, na mesma moeda, que agora possui uma obra do artista e que ainda não sabe qual será o destino final dela. Banksy é supervalorizado - uma de suas obras chegou a mais de US$ 160 mil em um leilão.

Lado B

Neste último final de semana, foi divulgado um documentário de pouco mais de 13 minutos com visitas a estúdios, entrevistas e comentários de gente contando o lado B da história de Banksy. O filme recebeu o nome de B Movie e já foi retirado do YouTube, aparentemente pelo próprio "escritório de Banksy, o Pest Control". Foi como tirar doce da boca de criança: em dois dias todos os vídeos e cópias estavam fora do ar.

Muitas dúvidas e mistérios rondam este artista - o anônimo mais famoso do mundo, e, consequentemente, com pouco espaço sobrando no cofre. E a dúvida que não quer calar, se o seu filme ganhar, é: ele subirá ao palco para receber a estatueta?

Segundo o site português Público, já estaria tudo combinado entre Banksy e o director executivo da Academia, Bruce Davis, e toda essa lenga-lenga não passa de marketing - aliás, especialidade do artista. Jaimie D'Cruz, produtor de Exit Through the Gift Shop, é quem receberia a estatueta, caso o filme ganhe.