Beatles: como a capa de jornal sobre homem mesquinho virou uma música de John Lennon

Música do álbum Abbey Road foi baseada na história real de um homem

Redação Publicado em 04/05/2020, às 09h03

None
The Beatles (Foto: AP Images)

Várias músicas dos Beatles narram histórias de personagens fictícios, mas uma faixa específica do icônico Abbey Road (1968) foi baseada em uma matéria de capa em um jornal britânico, sobre um homem especialmente mesquinho.

Como lembra o site CheatSheet, o artigo sobre John Alexander Mustard inspirou John Lennon a escrever “Mean Mr. Mustard”. O jornal descreveu como Mustard apagava as luzes de casa para ouvir rádio com a esposa ou fazer a barba, tudo em nome da economia. A publicação alegava ainda que o homem escondia dinheiro nas partes íntimas.

+++ LEIA MAIS: Paul McCartney relembra briga com John Lennon: ‘O maluco mais adorável que já conheci’

Enquanto Paul McCartney tinha a habilidade de criar personagens fictícios “como um novelista”, nas palavras de Lennon, o forte do compositor de “Mean Mr. Mustard” estava em fazer um estudo de personagens, como no caso da faixa.

A história de Mustard sofreu algumas alterações na música. O personagem colocava o dinheiro “no nariz”, um trecho da letra que poderia ser interpretado como uma referência a um usuário de cocaína.

+++ LEIA MAIS: Paul McCartney explica por que Beatles são melhores que Rolling Stones em nova entrevista: ‘Vou concordar com isso’

Em entrevista à Rolling Stone EUA, em 1980, Lennon negou a teoria sobre drogas. “Sou eu, escrevendo uma porcaria. Li algo no jornal sobre esse cara ruim que escondia notas de cinco libras, em outro lugar ao invés do nariz. Não tinha nada a ver com cocaína”, explicou.


+++ RUBEL | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO